Busca avançada
Ano de início
Entree

O ovo do ornitorrinco: o Brasil pós-1980 na obra de Francisco de Oliveira

Processo: 11/18710-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2011
Vigência (Término): 31 de março de 2015
Área do conhecimento:Ciências Humanas - Sociologia - Outras Sociologias Específicas
Pesquisador responsável:Marcelo Siqueira Ridenti
Beneficiário:Flavio da Silva Mendes
Instituição-sede: Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):12/07658-9 - O ovo do ornitorrinco: o Brasil pós-1980 na obra de Francisco de Oliveira, BE.EP.DR
Assunto(s):Brasil   Desenvolvimento

Resumo

Desde os anos 1970 o sociólogo Francisco de Oliveira é uma referência para estudiosos dedicados a compreender a sociedade brasileira. No conjunto de sua extensa obra destacam-se os ensaios sobre a economia nacional, publicados naquela década, suas intervenções sobre os desafios da abertura democrática, elaboradas nos anos 1980, e as críticas direcionadas à recepção do neoliberalismo no país, já na virada de século. Apesar de importante, tal trajetória ainda não recebeu a merecida atenção de pesquisadores da área de pensamento social brasileiro. Este trabalho tem o objetivo de preencher minimamente essa lacuna e contribuir para a análise dos textos produzidos por esse importante intelectual. Uma das hipóteses que orienta esta pesquisa é a de que a obra de Francisco de Oliveira não traduz apenas sua trajetória pessoal. Como resultado de sua relação peculiar com o ofício de sociólogo, ao qual sempre vinculou uma tarefa crítica e militante, o autor produziu textos que espelham, de modo particular, as transformações pelas quais passou o país e as crises enfrentadas por uma parcela das ciências sociais a partir, sobretudo, da segunda metade do século XX. Espera-se, portanto, que a reconstrução dos debates aos quais sempre se prestaram seus ensaios também forneça subsídios às análises sobre os últimos trinta anos da história nacional e sobre as características da produção intelectual brasileira realizada no mesmo período.