Busca avançada
Ano de início
Entree

O impacto da microfísica de nuvens na eletrificação de tempestades

Processo: 11/18217-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2012
Vigência (Término): 30 de novembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Geociências - Meteorologia
Pesquisador responsável:Luiz Augusto Toledo Machado
Beneficiário:Enrique Vieira Mattos
Instituição-sede: Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE). Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (Brasil). São José dos Campos , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):13/04292-6 - Características microfísicas das tempestades isoladas antes e durante a produção do primeiro relâmpago nuvem-solo, BE.EP.DR
Assunto(s):Microfísica de nuvens   Radar   Descarga atmosférica   Relâmpago   Sensoriamento remoto

Resumo

Os relâmpagos são fenômenos elétricos atmosféricos que possuem importantes consequências para a sociedade. No Brasil, por exemplo, devido a sua extensa área territorial, estima-se que a queda anualmente de 50 milhões de relâmpagos causam dezenas de mortes e prejuízos da ordem de 1 bilhão de reais a sociedade. Os diversos estudos sobre relâmpagos têm em comum evidenciado que os hidrometeoros no interior das nuvens são aspectos fundamentais para sua formação e ocorrência. Assim compreender como as nuvens tornam-se eletrificadas e entender o papel da microfísica nos processos dos relâmpagos pode promover ferramentas mais precisas de previsão de relâmpagos, tão quanto auxiliar na mitigação de seus efeitos sobre a sociedade. Neste contexto, o principal objetivo deste projeto é determinar o impacto da microfísica na eletrificação das tempestades e características dos relâmpagos. Para tanto, serão empregados dados de radar polarimétrico, medições em duas e três dimensões de descargas elétricas e registro de relâmpagos por câmera rápida para tempestades identificadas entre novembro e dezembro de 2011 sobre a região que compreende as cidades de São José dos Campos e São Paulo. A metodologia será abordada em três etapas: (I) avaliação de como os diferentes tipos de hidrometeoros modulam a estrutura elétrica e características dos relâmpagos na nuvem ao longo do ciclo de vida das tempestades, (II) estabelecimento das regiões mais favoráveis a formação e propagação das descargas elétricas no interior das nuvens e a (III) determinação do impacto das propriedades físicas dos centros de cargas nos processos da física dos relâmpagos que ocorrem da nuvem para o solo. Este projeto estará inserido no escopo do projeto temático CHUVA, dentro do subprojeto denominado Eletrification Process: Moving from Clouds to Thunderstorm. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Modelo do INPE permite prever a ocorrência de raios durante as tempestades 

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MATTOS, ENRIQUE V.; MACHADO, LUIZ A. T.; WILLIAMS, EARLE R.; GOODMAN, STEVEN J.; BLAKESLEE, RICHARD J.; BAILEY, JEFFREY C. Electrification life cycle of incipient thunderstorms. JOURNAL OF GEOPHYSICAL RESEARCH-ATMOSPHERES, v. 122, n. 8, p. 4670-4697, APR 27 2017. Citações Web of Science: 4.
MATTOS, ENRIQUE V.; MACHADO, LUIZ A. T.; WILLIAMS, EARLE R.; ALBRECHT, RACHEL I. Polarimetric radar characteristics of storms with and without lightning activity. JOURNAL OF GEOPHYSICAL RESEARCH-ATMOSPHERES, v. 121, n. 23, p. 14201-14220, DEC 2016. Citações Web of Science: 5.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.