Busca avançada
Ano de início
Entree

Produtos avançados de glicação e adutos de DNA relacionados a estresse oxidativo e inflamação em modelo de ratos diabéticos

Processo: 11/16225-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2012
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Metabolismo e Bioenergética
Pesquisador responsável:Ana Paula de Melo Loureiro
Beneficiário:Fabiana Almeida dos Santos
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Biomarcadores   Adutos de DNA   Estresse oxidativo   Inflamação   Diabetes mellitus

Resumo

O diabetes mellitus tem sido considerado um dos problemas de saúde globalmente mais desafiadores do século 21, sendo as complicações crônicas da doença as responsáveis por esse quadro. Sabe-se que o diabetes promove estresse oxidativo, inflamação e a formação de produtos avançados de glicação não enzimática (AGEs), resultando em danos em diversas biomoléculas. Existe um contínuo interesse no desenvolvimento de métodos mais sensíveis para a quantificação de AGEs, de lesões devidas a estresse oxidativo e inflamação na vigência do diabetes, buscando novos biomarcadores para melhor compreensão dos riscos relacionados ao diabetes e monitoramento de estratégias terapêuticas. Para melhor compreensão do perfil de lesões em DNA que podem ocorrer em indivíduos diabéticos, neste trabalho analisaremos a formação de adutos de DNA em situação patológica de diabetes. Para tanto, serão quantificados em tecidos de ratos diabéticos, ratos diabéticos tratados com insulina e ratos não diabéticos para comparação, os adutos N2-carboxietil-2'-desoxiguanosina (CEdG); 1,N2-eteno-2'-desoxiguanosina (1,N2-[dGuo); 1,N6-eteno-2'-desoxiadenosina (1,N6-[dAdo); 8-oxo-2'-desoxiguanosina (8-oxodG); 8-nitro-2'-desoxiguanosina (8-NO2-dG); e 8-cloro-2'-desoxiguanosina (8-Cl-dG), relacionados aos processos de estresse oxidativo, inflamação e AGEs. O estudo permitirá a visualização mais ampla de lesões relacionadas ao diabetes no organismo, comparando-se à situação não patológica ou à de diabetes tratado, possibilitando também estratégias para o teste de drogas anti-AGE.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CARVALHO, A. M.; MIRANDA, A. M.; SANTOS, F. A.; LOUREIRO, A. P. M.; FISBERG, R. M.; MARCHIONI, D. M. High intake of heterocyclic amines from meat is associated with oxidative stress. BRITISH JOURNAL OF NUTRITION, v. 113, n. 8, p. 1301-1307, APR 28 2015. Citações Web of Science: 14.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.