Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da influência da iontoforese na penetração e distribuição de um agente fotossensibilizante hidrofílico em câncer de pele para a terapia fotodinâmica tópica

Processo: 11/21411-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de janeiro de 2012
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacotecnia
Pesquisador responsável:Renata Fonseca Vianna Lopez
Beneficiário:Camila Nunes Lemos
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Iontoforese   Microscopia confocal   Nanotecnologia   Neoplasias cutâneas

Resumo

A Terapia Fotodinâmica (TFD) tópica é uma modalidade terapêutica inovadora para o tratamento de tumores cutâneos. As pesquisas nessa área estão direcionadas ao estudo de agentes fotossensibilizantes, bem como de sistemas de liberação que aumentem sua penetração e localização no tecido alvo. As ftalocianinas têm sido apontadas como potenciais fotossensibilizantes sistêmicos devido, entre outras vantagens, à sua alta afinidade pelo tecido tumoral e pelo seu efeito acentuado quando sob irradiação com luz. No entanto, a alta lipossolubilidade e o baixo coeficiente de partilha óleo/água dessas substâncias dificultam sua difusão do estrato córneo (EC), principal barreira da pele à penetração de fármacos, para as camadas da pele onde os tumores cutâneos se localizam. Derivados carregados de ftalocianinas, como a zinco tetrassulfonada aniônica (ZnPcS4), têm sido sintetizados na tentativa de aumentar sua solubilidade em água, bem como alterar/melhorar sua captação pelas células tumorais. No entanto, moléculas carregadas não conseguem nem ao menos penetrar no EC. A iontoforese é uma técnica não-invasiva capaz de aumentar e controlar a penetração de moléculas grandes e carregadas na pele através da aplicação de uma corrente elétrica de baixa intensidade. A aplicação da iontoforese como sistema de liberação para derivados hidrofílicos das ftalocianinas parece ser uma alternativa para a administração tópica de agentes fotossensibilizantes para o tratamento de tumores cutâneos por TFD. De fato, nosso grupo verificou que a iontoforese aumenta significativamente a penetração da ZnPcS4 na epiderme viável. Esses estudos foram feitos, no entanto, em pele sadia. No presente trabalho, a penetração cutânea e intratumoral da ZnPcS4 será avaliada in vivo diretamente em tumores de carcinoma de células escamosas induzidos em camundongos imunossuprimidos após aplicação da iontoforese. A microscopia confocal de varredura a laser será utilizada para verificar a distribuição do fármaco fluorescente no tumor após tratamento. Numa segunda etapa, os tumores tratados serão submetidos à TFD e a regressão tumoral avaliada. Espera-se que a aplicação da iontoforese aumente a penetração e melhore a distribuição da ZnPcS4 no tumor, tornando a TFD tópica com este fármaco mais promissora.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
LEMOS, CAMILA NUNES; DE SOUZA, JOEL GONCALVES; SIMAO, PATRICIA SPER; VIANNA LOPEZ, RENATA FONSECA. Iontophoresis Improved Growth Reduction of Invasive Squamous Cell Carcinoma in Topical Photodynamic Therapy. PLoS One, v. 11, n. 1 JAN 11 2016. Citações Web of Science: 9.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.