Busca avançada
Ano de início
Entree

Participação do fator de crescimento insulina-símile I na patogenia da pancitopenia na leishmaniose visceral em hamster

Processo: 11/04271-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2012
Vigência (Término): 30 de novembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Aplicada
Pesquisador responsável:Hiro Goto
Beneficiário:Amanda Rodrigues de Almeida Torres
Instituição-sede: Instituto de Medicina Tropical de São Paulo (IMT). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Pancitopenia   Hamsters   Leishmaniose visceral

Resumo

A pancitopenia é uma manifestação clínico-patológica importante na leishmaniose visceral (LV) e que representa uma diminuição global dos elementos figurados do sangue. A gênese das alterações hematológicas seja da série vermelha ou da série branca muitas vezes está relacionada a disfunções medulares, uma vez que a medula óssea é o principal órgão hematopoiético. Quando se trata de disfunções medulares decorrentes de infecção por Leishmania (Leishmania) chagasi há poucos estudos descrevendo as alterações na mielopoiese e os mecanismos que levam a pancitopenia na LV. Alguns estudos demonstram uma relação importante entre a pancitopenia e o fator de crescimento insulin-like growth factor (IGF-I) nas células hematopoiéticas, no entanto, o seu papel endógeno na hematopoiese ainda não está claro. Como o IGF-I tem se mostrado importante na infecção por Leishmania tanto em experimentos in vitro como in vivo, propomos estudar a influência desse fator na hematopoiese e sua correlação com o desenvolvimento da pancitopenia em hamsteres infectados por Leishmania (Leishmania) chagasi,.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
TORRES, Amanda Rodrigues de Almeida. Expressão do fator de crescimento insulina símile I (IGF-I) na patogenia da pancitopenia na leishmaniose visceral em hamster. 2014. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Medicina Tropical de São Paulo São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.