Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos do exercício físico moderado sobre o tráfego de neurotrofinas e seus receptores no sistema nervoso central de ratos idosos

Processo: 11/15281-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2012
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Merari de Fátima Ramires Ferrari
Beneficiário:Michael Fernandes de Almeida
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Degeneração neural   Fatores de crescimento neural

Resumo

A prática de atividade física parece proteger contra o declínio cognitivo decorrente do envelhecimento. O exercício moderado atenua os efeitos do envelhecimento sobre o sistema nervoso central por meio do aumento da angiogênese, saturação de oxigênio, melhora da eficiência da neurotransmissão, melhora do metabolismo, diminuição da inflamação, proteção contra a perda de volume encefálico, bem como aumento da expressão de neurotrofinas como o fator neurotrófico derivado do cérebro (BDNF), o qual promove a ramificação da árvore dendrítica e melhora a maquinaria sináptica no encéfalo adulto. Sabe-se que durante o envelhecimento ocorre acúmulo de proteínas no meio intra- e extracelular, mas a causa e o efeito desses agregados sobre a fisiologia celular ainda é controverso. Desta forma, pretende-se analisar o tráfego de neurotrofinas e seus receptores anteriormente à agregação proteica na medula espinhal, hipocampo e substância negra de ratos idosos submetidos a atividade física moderada em esteira de corrida. Esses animais serão expostos a rotenona que favorece o estresse oxidativo e a agregação proteica, características do envelhecimento e da neurodegeneração. Para essa análise, será empregada a técnica de Western Blot utilizando anticorpos específicos para a detecção de proteínas do tráfego anterógrado de neurotrofinas como: Rab27, CRMP-2, Slp1, HAP-1 e sortilina; e do tráfego retrógrado como a pincher e a Rab5. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MELO, KARLA P.; SILVA, CAROLLINY M.; ALMEIDA, MICHAEL F.; CHAVES, RODRIGO S.; MARCOURAKIS, TANIA; CARDOSO, SANDRA M.; DEMASI, MARILENE; NETTO, LUIS E. S.; FERRARI, MERARI F. R. Mild Exercise Differently Affects Proteostasis and Oxidative Stress on Motor Areas During Neurodegeneration: A Comparative Study of Three Treadmill Running Protocols. NEUROTOXICITY RESEARCH, v. 35, n. 2, p. 410-420, FEB 2019. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.