Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização da atividade biológica da serpina salivar AET-7393 de Aedes aegypti

Processo: 11/15569-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2012
Vigência (Término): 31 de julho de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:Anderson de Sá Nunes
Beneficiário:Ciro Novaes Rosa Lino
Instituição-sede: Instituto de Ciências Biomédicas (ICB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/09892-6 - Imunoma funcional da saliva de Aedes aegypti, AP.JP
Assunto(s):Vetores de doenças   Inflamação   Aedes aegypti   Ativação de macrófagos   Imunomodulação   Serpinas   Coagulação   Saliva

Resumo

Insetos são responsáveis pela transmissão de doenças infecciosas que acometem humanos e outros animais, incluindo a dengue, malária, leishmaniose e febre amarela dentre outras. Para ultrapassar as barreiras impostas pelos hospedeiros vertebrados e conseguirem se alimentar, os mosquitos hematófagos apresentam componentes em sua saliva capazes de regular a hemostasia, conter a inflamação e modular a imunidade desses hospedeiros. Desde a década de 80 diversos estudos vem demonstrando a capacidade vasodilatadora e anticoagulante de componentes presentes na glândula salivar do mosquito vetor da dengue Aedes aegypti. O estudo do conjunto de proteínas e RNA mensageiros presentes nas glândulas salivares desse inseto (salivoma) vem aumentando exponencialmente a descrição das moléculas que compõem esse coquetel salivar. Entretanto, a caracterização das atividades biológicas dessas moléculas no hospedeiro ainda carece de maiores estudos. Utilizando ferramentas de bioinformática, observamos a existência de uma família de serpinas, inibidores de serinoproteases, no salivoma de Ae. aegypti. No presente projeto, pretendemos caracterizar as atividades bioquímicas e imunofarmacológicas do produto do transcrito AET-7393, classificado como uma serpina e presente nas glândulas salivares das fêmeas do mosquito somente. Diversos processos biológicos como a coagulação e a inflamação são regulados pelas serinoproteases. Assim, nosso objetivo é avaliar os possíveis alvos da serpina AET-7393, seu papel na coagulação sanguínea, na inflamação e na ativação de macrófagos murinos. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BARROS, MICHELE S.; GOMES, ELIANE; GUERONI, DANIELE I.; RAMOS, ANDERSON D.; MIROTTI, LUCIANA; FLORSHEIM, ESTHER; BIZZARRO, BRUNA; LINO, CIRO N. R.; MACIEL, CERES; LINO-DOS-SANTOS-FRANCO, ADRIANA; TAVARES-DE-LIMA, WOTHAN; CAPURRO, MARGARETH L.; RUSSO, MOMTCHILO; SA-NUNES, ANDERSON. Exposure to iBites Induces a Mixed-Type Allergic Response following Salivary Antigens Challenge in Mice. PLoS One, v. 11, n. 5 MAY 20 2016. Citações Web of Science: 2.
BIZZARRO, BRUNA; BARROS, MICHELE S.; MACIEL, CERES; GUERONI, DANIELE I.; LINO, CIRO N.; CAMPOPIANO, JULIA; KOTSYFAKIS, MICHALIS; AMARANTE-MENDES, GUSTAVO P.; CALVO, ERIC; CAPURRO, MARGARETH L.; SA-NUNES, ANDERSON. Effects of Aedes aegypti salivary components on dendritic cell and lymphocyte biology. PARASITES & VECTORS, v. 6, NOV 15 2013. Citações Web of Science: 22.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
LINO, Ciro Novaes Rosa. Caracterização da atividade biológica da serpina salivar AET-7393 de Aedes aegypti.. 2013. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Ciências Biomédicas São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.