Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise do padrão de inativação do cromossomo X em tecido extra-embrionário bovino

Processo: 11/16399-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2012
Vigência (Término): 31 de julho de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Animal
Pesquisador responsável:Lygia da Veiga Pereira
Beneficiário:Fernando Galati Sábio
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Epigênese genética   Inativação do cromossomo X   Placenta

Resumo

Na inativação do cromossomo X (ICX), um dos dois cromossomos X presente nas fêmeas de mamíferos é silenciado, resultando em um mecanismo de compensação de dose. A ICX pode ocorrer de modo aleatório, onde cada célula escolhe ao acaso qual será o cromossomo X inativado: paterno (Xp) ou materno (Xm); ou de forma "imprintada" (do inglês imprinted), ou seja, dependente da origem parental. Enquanto nas fêmeas marsupiais, a inativação ocorre de forma "imprintada", sendo o Xp inativado em todos os tecidos, tanto somáticos quanto extra-embrionários, nos mamíferos eutérios a ICX nos tecidos somáticos ocorre de modo aleatório. Porém alguns eutérios ainda mantêm o mecanismo "imprintado" de ICX exclusivamente nos tecidos extra-embrionários, como ratos e camundongos. Já em humanos, o estado controverso da ICX em placenta foi reavaliado por nosso grupo, utilizando uma análise mais ampla e identificou-se um padrão aleatório, ao contrário de alguns dos trabalhos já publicados. Em bovinos, devido à sua importância econômica, diversos métodos reprodutivos são empregados, agrupados pelo nome de Tecnologias de Reprodução Assistida (ART - do inglês assisted reproductive technologies), e é reconhecido o impacto dessas técnicas em mecanismos epigenéticos. No entanto o padrão de ICX em placenta bovina não está claro. Ele foi verificado analisando-se a expressão de um único gene, MAOA, e os autores concluíram que o padrão era "imprintado". Devido a apenas um gene ter sido estudado e ao fato do gene MAOA estar sob análise do nosso grupo devido uma possível expressão diferencial relacionada com a origem parental, o padrão de ICX se mostra uma questão importante para ser esclarecida. (AU)

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SÁBIO, Fernando Galati. Análise do padrão de inativação do cromossomo X em tecido extraembrionário bovino. 2015. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Instituto de Biociências São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.