Busca avançada
Ano de início
Entree

A realidade virtual na intervenção psicomotora de crianças com transtorno do desenvolvimento da coordenação: auto-organização e affordances

Processo: 11/16719-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2012
Vigência (Término): 30 de abril de 2013
Área do conhecimento:Interdisciplinar
Pesquisador responsável:Ana Maria Pellegrini
Beneficiário:Alexandre Monte Campelo
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:10/52627-9 - Sistêmica, auto-organização e informação, AP.TEM
Assunto(s):Informação   Intervenção   Desenvolvimento motor   Controle motor   Auto-organização

Resumo

Ao longo do desenvolvimento, algumas crianças apresentam dificuldades na execução de habilidades motoras do cotidiano e podem ser identificadas como portadoras do Transtorno do Desenvolvimento da Coordenação. Tais dificuldades tem com consequência o afastamento da criança dos jogos e brincadeiras com implicações psicossociais no seu desenvolvimento. No presente estudo, a criança com Transtorno do Desenvolvimento da Coordenação realizará atividades em ambiente virtual. As affordances presentes neste contexto levarão a criança a criar novas perspectivas de suas possibilidades de ação motora. Assim, o meio ambiente com suas propriedades possibilitam, selecionam ou explicitam as affordances. A ação motora que realizamos não é planejada ou calculada, mas emerge da dinâmica intrínseca de nosso corpo, de forças externas e seus fatores limitantes. Os videogames da última geração, como o Nintendo Wii e o Xbox/Kinect, permitem ao usuário interagir com os jogos por meio dos movimentos corporais. Dessa maneira, nossas ações são reproduzidas fielmente na tela por um avatar como se estivéssemos "dentro" do jogo. Esse feedback on-line também está presente nos jogos de equilíbrio do Wii Fit. A posição e o deslocamento do centro de pressão do jogador que está sobre a plataforma Wii Balance Board, são informados na tela. O presente projeto tem por objetivo avaliar a eficácia da prática de atividade física por crianças com Transtorno do Desenvolvimento da Coordenação em tarefas motoras exploradas pelas affordances presentes em ambiente virtual. Além disso, busca identificar mudanças em padrões motores que emergem do processo de auto-organização, levando em consideração: o equilíbrio estático e dinâmico, a força muscular de membros inferiores e o efeito na qualidade de vida das crianças participantes. Participarão do estudo igual número de crianças com Transtorno de Desenvolvimento da Coordenação e crianças com Desenvolvimento típico para idade. A bateria de teste Movement Assesment Battery for Children (M-ABC2) será utilizada para avaliação da coordenação motora das crianças. Todos os participantes serão submetidos a procedimentos de intervenção em dois tipos de ambiente virtual, Wii e Xbox/Kinect. A ordem de vivência entre os ambientes será contrabalançada entre os grupos. Antes e depois da intervenção, os participantes serão avaliados de modo que se possa inferir o efeito dos procedimentos de intervenção na coordenação e controle motor.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
CAMPELO, Alexandre Monte. A realidade virtual na intervenção motora em crianças com transtorno do desenvolvimento da coordenação. 2013. 84 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências (Campus de Rio Claro)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.