Busca avançada
Ano de início
Entree

Pesquisa de anticorpos neutralizantes em pacientes com Síndrome Pulmonar e Cardiovascular e roedores infectados por hantavírus

Processo: 11/16866-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de março de 2012
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia
Pesquisador responsável:Luiz Tadeu Moraes Figueiredo
Beneficiário:Michelly de Pádua
Instituição-sede: Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (FMRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Virologia

Resumo

RESUMO:Hantavírus são vírus transmitidos por roedores silvestres. Esses vírus pertencem a família Bunyaviridae, são esféricos com diâmetro de 73 a 150 nm, envelopados com genoma de RNA de polaridade negativa, tri-segmentado, podem causar duas doenças graves aos seres humanos. A infecção humana é normalmente adquirida pela inalação de aerossóis de excretas de roedores infectados com hantavírus. Existem cinco Hantavírus conhecidos atualmente no Brasil, causadores de Síndrome Pulmonar e Cardiovascular (SPCVH): Juquitiba, Araraquara, Laguna Negra-like, Castelo dos Sonhos e vírus Anajatuba. Dentre eles o Araraquara (ARAV) é encontrado na região de Ribeirão Preto. No Brasil é importante para a saúde pública o estudo das viroses associadas a roedores, principalmente as hantaviroses, pois são causadoras de doenças graves, de alta letalidade e que não possuem tratamento específico. O reconhecimento dos anticorpos neutralizantes é importante porque, nos pacientes com SPCVH, a presença dos mesmos associa-se positivamente a um melhor prognóstico da doença. Esse trabalho visa padronizar técnicas de neutralização para o hantavírus Araraquara, por redução de placas e dose infectante50 em cultura de células Vero-E6. Em seguida, com os testes de neutralização, pretende-se testar soros de pacientes com suspeita clínica de infecção por hantavírus e soros de roedores infectados. Os resultados obtidos com os testes de neutralização serão correlacionados à evolução de pacientes com SPCVH visando a obter um parâmetro laboratorial prognóstico da doença.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE PADUA, MICHELLY; DE SOUZA, WILLIAM MARCIEL; LAURETTI, FLAVIO; FIGUEIREDO, LUIZ TADEU MORAES. Development of a novel plaque reduction neutralisation test for hantavirus infection. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz, v. 110, n. 5, p. 624-628, AUG 2015. Citações Web of Science: 2.
MACHADO, ALEX MARTINS; DE SOUZA, WILLIAM MARCIEL; DE PADUA, MICHELLY; DA SILVA RODRIGUES MACHADO, ALINE RAFAELA; MORAES FIGUEIREDO, LUIZ TADEU. Development of a One-Step SYBR Green I Real-Time RT-PCR Assay for the Detection and Quantitation of Araraquara and Rio Mamore Hantavirus. Viruses-Basel, v. 5, n. 9, p. 2272-2281, SEP 2013. Citações Web of Science: 12.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.