Busca avançada
Ano de início
Entree

Associação entre o consumo de sal durante o período perinatal e o desenvolvimento de obesidade materna

Processo: 11/19573-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2012
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Fisiologia - Fisiologia de Órgãos e Sistemas
Pesquisador responsável:Joel Claudio Heimann
Beneficiário:Michelle Soto Tresoldi
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Tecido adiposo   Sódio   Obesidade   Período perinatal

Resumo

A nutrição materna é muito importante para o desenvolvimento tanto estrutural como funcional do feto. Estudos conduzidos em nosso laboratório demonstraram que a restrição de sódio durante a gestação e lactação é responsável por alterações funcionais (hemodinâmicas e hormonais) e estruturais na idade adulta de fêmeas da prole, tais como: aumento da massa do tecido adiposo marrom, menor concentração de leptina plasmática e desenvolvimento de obesidade. Complementar a este estudo, também foi observado que ratos Wistar machos alimentados com dieta hipossódica desenvolvem obesidade. Durante o período perinatal o organismo materno passa por diversos ajustes fisiológicos a fim de garantir adequado desenvolvimento e crescimento do feto. O objetivo deste projeto é estudar ratas Wistar em três momentos durante o período perinatal (antes da gestação, no dia do parto e no último dia da lactação) e observar se há desenvolvimento de obesidade em resposta ao consumo de dieta hipossódica durante o período gestacional de maneira semelhante ao observado em ratos machos. Se este fenômeno for confirmado e sabendo que prole de mães alimentadas com dieta restrita em sal durante o período perinatal desenvolve obesidade, isto pode ser um indicativo de um mecanismo epigenético.