Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da dinâmica e quantificação metabólica de imagens de medicina nuclear na modalidade PET/CT

Processo: 11/23172-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de março de 2012
Vigência (Término): 31 de outubro de 2015
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Biomédica
Pesquisador responsável:Sergio Shiguemi Furuie
Beneficiário:Edward Flórez Pacheco
Instituição-sede: Escola Politécnica (EP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):14/11758-4 - Análise da dinâmica e quantificação metabólica de imagens de medicina nuclear na modalidade PET/CT, BE.EP.DR
Assunto(s):Medicina nuclear   Processamento digital de imagens   Imagens de fantasmas

Resumo

A presença da Medicina Nuclear como modalidade de obtenção de imagens médicas é um dos principais procedimentos utilizados hoje nos centros de saúde, tendo como grande vantagem a capacidade de analisar o comportamento metabólico do paciente, traduzindo-se em diagnósticos precoces. Neste projeto pretende-se investigar a dinâmica e a quantificação metabólica de imagens médicas 3D dinâmicas da modalidade PET/CT. Entretanto, sabe-se que a quantificação em Medicina Nuclear é dificultada por diversos fatores, entre os quais estão a correção de atenuação, espalhamento, algoritmos de reconstrução e modelos assumidos. Neste contexto, o principal objetivo deste projeto é melhorar a acurácia e a precisão na análise de imagens de PET/CT via processos realísticos e bem controlados. Para esse fim, estamos propondo a elaboração de uma estrutura modular, a qual será conformada por um conjunto de passos consecutivamente interligados que se iniciam na simulação de phantoms antropomórficos 3D dinâmicos para posteriormente gerar as projeções realísticas PET/CT usando a plataforma GATE (com simulação de Monte Carlo), em seguida será aplicada uma etapa de pré-processamento mediante o filtro de Anscombe/Lee para a redução de ruído Poisson próprio deste tipo de imagens. Tendo projeções de melhor qualidade após a filtragem, uma etapa de reconstrução de imagens 3D dinâmicas será aplicada, e em seqüência as imagens serão filtradas e segmentadas (baseados na teoria Fuzzy Connectedness). Uma vez definida a região de interesse (ROI) serão produzidas suas respectivas Curvas de Atividade de Entrada e Resultante requeridas no processo de análise da dinâmica de compartimentos com o qual será obtida a Quantificação do Metabolismo do órgão ou estrutura de estudo. Finalmente, procedimentos de avaliação serão utilizados como métrica para conhecer o nível de eficiência e precisão da aplicação. Analogamente, para certificar a validade do processo, serão analisadas imagens reais fornecidas pelo Centro de Medicina Nuclear do HC e pelo Instituto do Coração.