Busca avançada
Ano de início
Entree

Mapeamento de QTL's para alto teor de óleo visando seleção de genótipos de soja para cultivo em áreas canavieiras

Processo: 12/00689-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Programa Capacitação - Treinamento Técnico
Vigência (Início): 01 de fevereiro de 2012
Vigência (Término): 30 de junho de 2012
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Fitotecnia
Pesquisador responsável:Sandra Helena Unêda-Trevisoli
Beneficiário:Aretha Arcenio Pimentel Corrêa
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/12958-9 - Mapeamento de QTL's e obtenção de genótipos de soja precoces superiores e com alto teor de óleo visando cultivo em áreas de reforma de cana-de-açúcar, AP.R
Assunto(s):Produção vegetal   Marcador molecular   Locos de características quantitativas   Biodiesel   Glycine max   Soja

Resumo

As pesquisas serão conduzidas no Laboratório de Biotecnologia Aplicada ao Melhoramento Vegetal, da UNESP - FCAV - Campus de Jaboticabal. Na primeira etapa do projeto, sementes de diferentes cultivares de soja serão semeadas em vasos contendo substrato e mantidos em condições controladas de casa-de-vegetação. Após a emergência das plântulas, folhas jovens de cada cultivar serão coletadas para extração de DNA genômico. Finalizada a etapa de extrações, o material genético obtido será quantificado em Biofotômetro para posterior diluição e corrida em gel por eletroforese para confirmação da qualidade do material obtido. As reações de PCR serão, então, iniciadas. A última etapa do projeto conta com a análise dos resultados dos géis gerados pela PCR, com a montagem de matrizes binárias para futura análise estatística dos dados. Concomitantemente ao projeto, serão preparados os relatórios parcial e final, assim como trabalhos a serem enviados para Congressos e/ou outras Reuniões afins. Extração de DNA genômico. A extração de DNA será efetuada utilizando-se o protocolo descrito por Ferreira & Grattapaglia (1998), conhecido como método CTAB (Brometo de Cetiltrimetilamônio). Caso haja necessidade, serão realizadas modificações neste protocolo, para obtenção de melhores resultados e otimização do processo. Reação de PCR e visualização dos resultados. As reações de amplificação por PCR serão realizadas para cada um das cultivares, utilizando-se iniciadores SSR. Para a reação de PCR será preparado um volume total de 25 ¼L, contendo DNA genômico de soja, MgCl2, tampão de PCR, desoxinucleosídeotrifosfato- dNTP's, Taq-DNA polimerase e cada iniciador. Os programas de termociclagem serão otimizados para serem formados por ciclos iniciais de desnaturação, ciclos para o anelamento do iniciador e ciclos para extensão pela Taq Polimerase, onde a temperatura e a duração serão específicos para cada iniciador. Os produtos amplificados serão separados por eletroforese em gel de agarose e/ou poliacrilamida, corados com brometo de etídio. A visualização será feita em transluminador e fotografada pelo sistema Kodak EDAS 290. Análise comparativa dos perfis SSRA partir dos resultados observados nos géis, serão efetuados vários tipos de análises, permitindo a obtenção das conclusões e observação dos resultados obtidos. Dessa forma, o bolsista também poderá participar de todo este processo, permitindo um treinamento completo em todas as etapas possíveis.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)