Busca avançada
Ano de início
Entree

Produção de PGE2 por células dendríticas mediante fagocitose de células apoptóticas infectadas

Processo: 11/23788-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de março de 2012
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Celular
Pesquisador responsável:Alexandra Ivo de Medeiros
Beneficiário:Amanda Correia Saraiva
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCFAR). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Assunto(s):Dinoprostona   Células dendríticas   Células Th17

Resumo

Durante o processo de apoptose, em contraste com a necrose, a permeabilidade celular é mantida evitando a liberação de componentes intracelulares (denominadas DAMPS - do inglês Damage Associated Molecular Patterns) que podem desencadear a produção de mediadores inflamatórios por fagócitos. A ingestão de células apoptóticas, ou mesmo a interação destas aos macrófagos, promove a liberação de moléculas anti-inflamatórias, entre elas TGF-² , IL-10 , óxido nítrico, prostaglandina E2(PGE2) e fator de ativação plaquetária (PAF), enquanto inibe a produção de mediadores pró-inflamatórios como TNF-± , IL-1, KC, IL-8 e leucotrieno C4. Entretanto, a fagocitose de células apoptóticas infectadas, ou seja, contendo PAMP associado, promove a produção de mediadores como IL-23, TGF-² e IL-6 por células dendríticas. A produção destas citocinas promove a condição necessária para a geração de células Th17 e desvenda um novo mecanismo fisiológico para a geração das mesmas.A atuação da PGE2 na imunidade adaptativa vem sendo investigada quanto à diferenciação e ativação de linfócitos Th1, Treg e Th17. Até o momento, nada se sabe da participação deste mediador lipídico no contexto da fagocitose de células apoptóticas infectadas e o mecanismo pelo qual a PGE2 pode colaborar sinergicamente com TGF-², IL-6 e IL-23 no processo de diferenciação de células Th17.A hipótese de estudo deste projeto fundamenta-se no estudo da produção de PGE2 pelas células dendríticas na fagocitose de células apoptóticas infectadas e geração de meio condicionado para o estudo do papel da PGE2 na diferenciação de células Th17.