Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo citogenético sobre a conservação e a distribuição cromossômica de elementos repetitivos em Gymnotus sylvius e Gymnotus cf carapo

Processo: 11/20568-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2012
Vigência (Término): 30 de novembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Animal
Pesquisador responsável:Lurdes Foresti de Almeida-Toledo
Beneficiário:Rodrigo Salazar da Silva
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):DNA satélite   Conservação

Resumo

A ordem Gymnotiformes constitui um grupo monofilético de peixes elétricos neotropicais com ampla distribuição nas Américas do Sul e Central, dentro da qual está inserido o gênero Gymnotus. Embora esse gênero apresente determinadas características próprias, o grupo apresenta alta diversidade e alta variabilidade intra-específica, o que dificulta a identificação dessas espécies. Em contrapartida, vários trabalhos focados na citogenética e no genoma desses peixes têm contribuído para a compreensão não só das relações filogenéticas, mas também da evolução cromossômica no grupo. Dentre os itens estudados nessas áreas, estão os elementos repetitivos do genoma, em especial os DNAs satélite. Os estudos neste item tem sido de grande valia, pois os DNAs satélite permitem identificar cromossomos homólogos, aberrações cromossômicas; caracterizar cromossomos sexuais e cromossomos B; e obter mais informações sobre relações filogenéticas e a história evolutiva em diferentes grupos de táxons. No presente trabalho propomos a construção de bibliotecas para a triagem de elementos altamente repetitivos, com o intuito de melhor compreender a importância, distribuição cromossômica e a conservação dessas porções do genoma em espécies do gênero Gymnotus.