Busca avançada
Ano de início
Entree

Determinação de áreas especiais de preservação em uma zona de Recarga do Sistema Aquífero Guarani, no município de Ribeirão Preto (SP)

Processo: 11/21208-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2012
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Saneamento Ambiental
Pesquisador responsável:Marcelo Pereira de Souza
Beneficiário:Guilherme Augusto Carminato Bircol
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Assunto(s):Gestão ambiental   Política ambiental   Conservação dos recursos naturais   Áreas de conservação   Recarga de aquíferos   Sistema de informação geográfica (SIG)   Ribeirão Preto (SP)

Resumo

Os sistemas de águas subterrâneas são importantes componentes do Ciclo Hidrológico, responsáveis pelo abastecimento de corpos d'água e nascentes. De todas as reservas de água doce mundial, quase a totalidade (98%) é oriunda de aquíferos. O Brasil, por exemplo, possui grandes reservas de água subterrânea, incluindo os 70% do Sistema Aquífero Guarani (SAG), reconhecidamente uma das maiores reservas de água doce subterrânea do mundo. Ribeirão Preto, município totalmente abastecido pelo SAG, possui parte de sua área - a zona leste da cidade, dentro da região de recarga deste sistema, fato que gera conflitos de gestão, principalmente quanto ao tipo de uso e ocupação de solo. A fim de proteger este manancial, a zona leste é definida como Zona de Uso Especial (ZUE), de caráter mais restritivo, o que agrava ainda mais a situação. As áreas especialmente protegidas definidas pelo Código Florestal - Área de Preservação Permanente (APP) e Reserva Legal (RL), ajudariam a proteger essa área de recarga, mas são frequentemente preteridas pelos proprietários de terras. Haja vista a situação em que essa zona de recarga do SAG se encontra, e visando a proteção deste manancial, o presente trabalho pretende realizar um estudo de localização para alocação de RLs, fazendo uso de imagens de sensoriamento remoto e sistema de informação geográfica aplicados à ecologia da paisagem, a partir da metodologia proposta por Ranieri (2004). Assim, pretende-se gerar cenários prioritários para a manutenção e conservação de vegetação. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
CARMINATO BIRCOL, GUILHERME AUGUSTO; DE SOUZA, MARCELO PEREIRA; FONTES, AURELIO TEODORO; CHIARELLO, ADRIANO GARCIA; LIMA RANIERI, VICTOR EDUARDO. Planning by the rules: A fair chance for the environment in a land-use conflict area. LAND USE POLICY, v. 76, p. 103-112, JUL 2018. Citações Web of Science: 2.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.