Busca avançada
Ano de início
Entree

Influência da carga orgânica na produção de biohidrogênio a partir de água residuária sintética em AnSBBR com recirculação

Processo: 12/01039-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2012
Vigência (Término): 31 de março de 2013
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Tratamentos de Águas de Abastecimento e Residuárias
Pesquisador responsável:Suzana Maria Ratusznei
Beneficiário:Lucas Pagani de Souza
Instituição-sede: Escola de Engenharia Mauá (EEM). Instituto Mauá de Tecnologia. São Caetano do Sul , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/15984-0 - Produção de bioenergia no tratamento de águas residuárias e adequação ambiental dos efluentes e resíduos gerados, AP.TEM
Assunto(s):Tratamento de águas residuárias   Tratamento biológico anaeróbio   Biomassa imobilizada   Matéria orgânica   Carga orgânica   Bioenergia   Bio-hidrogênio

Resumo

Dentro do escopo de estudo da produção de bioenergia, este projeto estará direcionado à avaliação do AnSBBR aplicado à produção de biohidrogênio a partir do tratamento de efluente sintético a base de glicose. A eficiência e o fator de conversão (entre o hidrogênio produzido e a matéria orgânica consumida) serão analisados em função da variação da carga orgânica imposta ao sistema, modificando-se a concentração afluente e o tempo de ciclo do reator. Os ensaios serão realizados utilizando-se diferentes cargas orgânicas volumétricas (9,0; 12,0; 13,5 e 18,0 e 27,0 gDQO/L.d), as quais serão modificadas em função: (I) da concentração afluente (3600 e 5400 mgDQO/L) e (II) do tempo de ciclo (4, 3 e 2 h). Tais ensaios serão realizados na temperatura constante de 30,0ºC e a concentração de matéria orgânica na água residuária formulada a partir de efluente sintético a base de glicose será de 3600 e 5400 mgDQO/L. Será utilizado polietileno de baixa densidade como suporte inerte para imobilização da biomassa. A partir dos resultados obtidos, será possível definir as melhores condições operacionais em termos de produção de biohidrogênio.