Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da hidroterapia na prevenção de lombalgia e edema gestacional

Processo: 12/00359-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de abril de 2012
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Fisioterapia e Terapia Ocupacional
Pesquisador responsável:Angélica Mércia Pascon Barbosa
Beneficiário:Giovana Vesentini
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia e Ciências (FFC). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Marília. Marília , SP, Brasil
Assunto(s):Gravidez   Prevenção primária   Saúde da mulher   Hidroterapia   Edema

Resumo

O período gestacional ocasiona em diversas mudanças morfológicas e fisiológicas no organismo da mulher que requerem cuidados especiais. Entre as principais alterações estão desordens posturais, que acarretam em dor lombar e retenção hídrica. Neste sentido é importante o reconhecimento de recursos para a diminuição desses sintomas e assim permitir ao profissional de saúde a elaboração de intervenções e/ou diagnóstico para seu tratamento precoce. De modo mais específico, a hidroterapia é considerada como a atividade ideal para a gestante, pelas modificações fisiológicas que ocorrem durante imersão em água aquecida, que trazem inúmeros benefícios entre eles: redução do risco de diabetes gestacional, manutenção do peso e composição corporal em níveis adequados para o período gestacional, redução do estresse cardiovascular, recuperação mais rápida no pós-parto e no desenvolvimento fetal, prevenção e melhora dos desconfortos músculo-esqueléticos e controle do edema gravídico. O objetivo do presente estudo é analisar os efeitos da hidroterapia como proposta preventiva da lombalgia e edema gestacional. Serão formados dois grupos, o grupo hidroterapia com gestantes participantes do programa de hidroterapia, e grupo controle com gestantes não participantes do programa de hidroterapia. Serão selecionadas gestantes com idade entre 18 e 30 anos, e a 12ª e 20ª semana gestacional. Todas as participantes realizarão Avaliação inicial, orientações sobre medidas preventivas de lombalgia e edema gestacional e Avaliação Final. Para análise de resultados será aplicado teste não-paramétrico de Wilcoxon. Para associar os grupos e os tempos com as variáveis categóricas será aplicado o teste exato de Fisher. A confirmação de significância estatística será definida pelo limite de 5% (p<0,05). O software utilizado será o SAS 9.0.