Busca avançada
Ano de início
Entree

Expressão heteróloga de celulases de Myceliophthora heterotalica F.2.1.4 em levedura Pichia Pastoris com a caracterização e purificação das enzimas produzidas

Processo: 12/00506-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de maio de 2012
Vigência (Término): 31 de maio de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Microbiologia - Microbiologia Aplicada
Pesquisador responsável:Eleni Gomes
Beneficiário:Carolina Bezerra Bussoli
Instituição-sede: Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (IBILCE). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José do Rio Preto. São José do Rio Preto , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:10/12624-0 - Aplicação de métodos físico-químicos e enzimáticos na sacarificação do bagaço de cana: estudos de microrganismos, processos fermentativos relacionados e métodos de hidrólise, AP.TEM
Bolsa(s) vinculada(s):14/00752-5 - Influência dos sítios de glicosilação na termoestabilidade de endoglucanases do fungo termofílico Myceliophthora heterothallica, BE.EP.DR
Assunto(s):Celulase   Expressão heteróloga   Biologia molecular

Resumo

O material lignocelulósico, encontrado principalmente em resíduos agroindustriais, é um dos complexos orgânicos naturais mais abundantes em forma de biomassa vegetal, sendo esta composta principalmente por três principais constituintes: celulose, hemicelulose e lignina. A celulose é o biopolímero mais encontrado no reino vegetal, caracterizando um homopolímero linear formado por resíduos de D-glicose unidas por ligação do tipo ²-1,4. e pode ser aproveitada para produção de bioetanol por meio de hidrólise enzimática. As celulases correspondem a um complexo enzimático capaz de hidrolisar a celulose em seus monômeros fermentescíveis e são naturalmente secretadas por vários fungos filamentosos. Embora muitas vezes sejam detectadas no meio de crescimento de fungos, enzimas com propriedades interessantes podem ser inviáveis para aplicação industrial em função da baixa expressão. Do ponto de vista biotecnológico, o sistema de expressão heteróloga em Pichia pastoris fornece muitas vantagens para a produção de proteínas eucarióticas recombinantes, produzindo tipos enzimáticos únicos, sem a interferência de outras enzimas além de se poder obter elevada expressão das mesmas, principalmente em escala industrial. Estudos recentes tem mostrado que o fungo termofílico M. heterotalica F.2.1.4 é capaz de produzir celulases com interessantes propriedades para aplicação na sacarificação do bagaço de cana, porém, sem uma expressão muito significativa. Assim, o presente projeto visa a identificação do gene que codifica para uma endoglucanase e sua clonagem e expressão em levedura Pichia pastoris. Pretende-se também, purificar e caracterizar as enzimas nativa e heteróloga.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
BUSSOLI, Carolina Bezerra. Expressão heteróloga de celulases de Myceliophthora heterothallica F.2.1.4 em Pichia pastoris e Escherichia coli com a caracterização e purificação das enzimas produzidas. 2016. 131 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.