Busca avançada
Ano de início
Entree

Capacidade vetorial de Lutzomyia (Lutzomyia) cruzi e Lutzomyia (Lutzomyia) forattinii (Diptera: Psychodidae) para Leishmania (Leishmania) infantum chagasi

Processo: 11/23414-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de abril de 2012
Vigência (Término): 31 de março de 2015
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Saúde Coletiva - Epidemiologia
Pesquisador responsável:Eunice Aparecida Bianchi Galati
Beneficiário:Everton Falcão de Oliveira
Instituição-sede: Faculdade de Saúde Pública (FSP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Leishmaniose visceral   Flebotomíneos

Resumo

Lutzomyia longipalpis é o principal vetor do protozoário Leishmania (Leishmania) infantum chagasi, agente etiológico da leishmaniose visceral (LV), importante problema de saúde pública no Brasil, com crescente número de casos no Estado de Mato Grosso do Sul. No entanto, neste estado, nos municípios de Corumbá e Ladário, existem suspeitas de que Lutzomyia cruzi seja a principal responsável pela transmissão do parasito e Lutzomyia forattinii tenha importância secundária. Este estudo tem por objetivo avaliar a capacidade vetorial de Lu. cruzi e Lu. forattinii provenientes de área com transmissão de leishmaniose visceral em Corumbá, MS. Para avaliar a capacidade vetorial de ambas as espécies, será obtida para cada uma delas a sobrevida infectiva, por meio da construção da tábua de vida (estimativa vertical e laboratorial), a atratividade do cão, a taxa de infecção experimental após exposição dos insetos a cães infectados por L. (L.) i. chagasi, o período de incubação extrínseco do parasita e a duração do ciclo gonotrófico. Com este projeto, espera-se estimar a capacidade e demonstrar a competência vetorial das duas espécies alvos deste estudo em relação à L. (L.) infantum chagasi.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (8)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE OLIVEIRA, EVERTON FALCAO; BIANCHI GALATI, EUNICE APARECIDA; DE OLIVEIRA, ALESSANDRA GUTIERREZ; RANGEL, ELIZABETH FERREIRA; DE CARVALHO, BRUNO MOREIRA. Ecological niche modelling and predicted geographic distribution of Lutzomyia cruzi, vector of Leishmania infantum in South America. PLoS Neglected Tropical Diseases, v. 12, n. 7 JUL 2018. Citações Web of Science: 3.
DE OLIVEIRA, EVERTON FALCAO; OSHIRO, ELISA TERUYA; FERNANDES, WAGNER DE SOUZA; MURAT, PAULA GUERRA; DE MEDEIROS, MARCIO JOSE; SOUZA, ALDA IZABEL; DE OLIVEIRA, ALESSANDRA GUTIERREZ; BIANCHI GALATI, EUNICE APARECIDA. Experimental infection and transmission of Leishmania by Lutzomyia cruzi (Diptera: Psychodidae): Aspects of the ecology of parasite-vector interactions. PLoS Neglected Tropical Diseases, v. 11, n. 2 FEB 2017. Citações Web of Science: 7.
DE OLIVEIRA, EVERTON FALCAO; OSHIRO, ELISA TERUYA; FERNANDES, WAGNER SOUZA; TEIXEIRA FERREIRA, ALDA MARIA; DE OLIVEIRA, ALESSANDRA GUTIERREZ; BIANCHI GALATI, EUNICE APARECIDA. Vector Competence of Lutzomyia cruzi Naturally Demonstrated for Leishmania infantum and Suspected for Leishmania amazonensis. American Journal of Tropical Medicine and Hygiene, v. 96, n. 1, p. 178-181, JAN 2017. Citações Web of Science: 3.
DE OLIVEIRA, EVERTON FALCAO; CASARIL, ALINE ETELVINA; FERNANDES, WAGNER SOUZA; RAVANELLI, MICHELLE DE SABOYA; DE MEDEIROS, MARCIO JOSE; GAMARRA, ROBERTO MACEDO; PARANHOS FILHO, ANTONIO CONCEICAO; OSHIRO, ELISA TERUYA; DE OLIVEIRA, ALESSANDRA GUTIERREZ; BIANCHI GALATI, EUNICE APARECIDA. Monthly Distribution of Phlebotomine Sand Flies, and Biotic and Abiotic Factors Related to Their Abundance, in an Urban Area to Which Visceral Leishmaniasis Is Endemic in Corumba, Brazil. PLoS One, v. 11, n. 10 OCT 26 2016. Citações Web of Science: 4.
DE OLIVEIRA, EVERTON FALCAO; CASARIL, ALINE ETELVINA; FONTOURA MATEUS, NATHALIA LOPES; MURAT, PAULA GUERRA; FERNANDES, WAGNER SOUZA; OSHIRO, ELISA TERUYA; DE OLIVEIRA, ALESSANDRA GUTIERREZ; BIANCHI GALATI, EUNICE APARECIDA. Leishmania amazonensis DNA in wild females of Lutzomyia cruzi (Diptera: Psychodidae) in the state of Mato Grosso do Sul, Brazil. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz, v. 110, n. 8, p. 1051-1057, DEC 2015. Citações Web of Science: 4.
OLIVEIRA, E. F.; FERNANDES, W. S.; OSHIRO, E. T.; OLIVEIRA, A. G.; GALATI, E. A. B. Alternative Method for the Mass Rearing of Lutzomyia (Lutzomyia) cruzi (Diptera: Psychodidae) in a Laboratory Setting. Journal of Medical Entomology, v. 52, n. 5, p. 925-931, SEP 2015. Citações Web of Science: 3.
EVERTON FALCÃO DE OLIVEIRA; ALINE ETELVINA CASARIL; NATHÁLIA LOPES FONTOURA MATEUS; PAULA GUERRA MURAT; WAGNER SOUZA FERNANDES; ELISA TERUYA OSHIRO; ALESSANDRA GUTIERREZ DE OLIVEIRA; EUNICE APARECIDA BIANCHI GALATI. Leishmania amazonensis DNA in wild females ofLutzomyia cruzi (Diptera: Psychodidae) in the state of Mato Grosso do Sul, Brazil. Memórias do Instituto Oswaldo Cruz, v. 110, n. 8, p. -, Dez. 2015.
CASARIL, ALINE ETELVINA; NAZARIO MONACO, NEIVA ZANDONAIDE; DE OLIVEIRA, EVERTON FALCAO; EGUCHI, GABRIEL UTIDA; PARANHOS FILHO, ANTONIO CONCEICAO; PEREIRA, LUCIANA ESCALANTE; OSHIRO, ELISA TERUYA; BIANCHI GALATI, EUNICE APARECIDA; FONTOURA MATEUS, NATHALIA LOPES; DE OLIVEIRA, ALESSANDRA GUTIERREZ. Spatiotemporal analysis of sandfly fauna (Diptera: Psychodidae) in an endemic area of visceral leishmaniasis at Pantanal, central South America. PARASITES & VECTORS, v. 7, AUG 15 2014. Citações Web of Science: 16.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
. Capacidade vetorial de Lutzomyia (Lutzomyia) cruzi (Diptera: Psychodidae) para Leishmania (Leishmania) infantum. 2015. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Saúde Pública (FSP/CIR) São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.