Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeitos da ciclagem em micro-ondas do gesso de inclusão sobre propriedades da resina acrílica termoativada

Processo: 11/19812-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2012
Vigência (Término): 30 de abril de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Odontologia - Materiais Odontológicos
Pesquisador responsável:Tarcisio Jose de Arruda Paes Junior
Beneficiário:Camila Della Méa Vianna
Instituição-sede: Instituto de Ciência e Tecnologia (ICT). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de São José dos Campos. São José dos Campos , SP, Brasil
Assunto(s):Porosidade   Resinas acrílicas   Micro-ondas   Dureza

Resumo

O objetivo deste trabalho é verificar se a secagem prévia do gesso de inclusão influência, quando da polimerização por energia de micro-ondas, na presença de porosidades e na microdureza de resinas acrílicas termoativadas. Serão utilizadas no experimento duas resinas acrílicas de ativação térmica normalmente empregadas em bases de próteses totais e próteses parciais removíveis: Lucitone 550 (Dentsply Ind. Com Ltda) e Vipi-Wave (Vipi Dental Ltda). Formar-se-ão os seguintes grupos (n=10): Grupo 1A - Lucitone 550, polimerização em micro-ondas, sem tratamento prévio do gesso de inclusão; Grupo 1B - Lucitone 550, polimerização em micro-ondas, com tratamento prévio do gesso de inclusão (gesso dissecado); Grupo 2A - Vipi-Wave, polimerização em microondas, sem tratamento prévio do gesso de inclusão; Grupo 2B - Vipi-Wave, polimerização em microondas, com tratamento prévio do gesso de inclusão (gesso dissecado); Grupo 3 - Lucitone 550, polimerizada de modo convencional em banho de água aquecida. Tanto para a avaliação da microdureza, quanto da porosidade, serão confeccionados três tipos de padrões metálicos no formato geométrico de um paralelogramo, com dimensões respectivamente de 2,0x2,0x2,0cm (8cm3), 2,0x2,0x1,0(4cm3) e 2,0x2,0x0,5(2cm3). Os padrões em cera nº 7 originados dos metálicos serão incluídos em muflas plásticas reforçadas com fibras de vidro. Após uma hora da fase final de inclusão, proceder-se-á-se a abertura das partes da mufla e a remoção dos padrões . A secagem prévia do gesso será feita em forno de micro-ondas por 10min a 600W nos grupos 1B e 2B. Após este período, as muflas permanecerão por duas horas em uma estufa para então proceder-se a prensagem das resinas acrílicas e suas polimerizações, segundo as determinações dos fabricantes. Em seguida, será realizada a abertura das muflas e o acabamento e polimento dos espécimes. Cada um dos grupos (N=10) será armazenado em água destilada a 37ºC+2ºC, por 48h+2h. A análise da microdureza será realizada através do teste Vickers (VHN), onde três edentações serão feitas em cada espécime (em uma de suas faces) e a média dos valores será considerada. Para avaliação da porosidade será feito primeiramente um ranqueamento quanto à sua presença, e para aqueles onde estas forem encontradas far-se-á a análise da área destas porosidades em um microscópio óptico de alta resolução (100X de aumento). Os dados das análises serão compilados, distribuídos e avaliados comparativamente por meio de ensaios estatísticos.