Busca avançada
Ano de início
Entree

Terapia gênica para redução de fibrose em modelo de ratos espontaneamente hipertensos

Processo: 12/00753-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2012
Vigência (Término): 24 de setembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Sang Won Han
Beneficiário:Roberta Sessa Stilhano Yamaguchi
Instituição-sede: Centro de Terapia Celular e Molecular. Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):13/22527-0 - Terapia gênica para redução de fibrose em modelo de ratos espontaneamente hipertensos, BE.EP.DR
Assunto(s):Terapia genética   Fibrose   Lesão muscular   Lentivirus

Resumo

A fibrose é uma das principais sequelas adquiridas após a lesão muscular, principalmente, nas lesões mais severas em que a cicatrização ocorre de forma lenta, o que impede a contração muscular adequada e pode levar a contraturas musculares e a dor crônica. Além da perda funcional, o tecido cicatrizado tende a sofrer novas lesões devido à alteração da natureza tecidual. Estes eventos levam os atletas profissionais a abandonarem suas atividades precocemente. As lesões e dores musculares também são as principais queixas dos pacientes atendidos por clínicos gerais e ortopedistas. A fibrose é um processo que faz parte da recuperação tecidual e pode ser dividida nas seguintes etapas: lesão muscular, inflamação e degeneração muscular, regeneração muscular, fibrose e recuperação parcial do músculo lesado. Portanto, a fibrose é uma etapa necessária para recuperação do tecido lesado, mas quando este processo é exacerbado, que frequentemente ocorre nos casos de lesões mais profundas, leva a regeneração imperfeita do tecido. A hipertensão pode potencializar fibrose, e a angiotensina II (AngII), que é a principal responsável pela vasoconstrição, parece desencadear a sinalização de fibrose via TGF-beta1. Uma das provas disso é a redução de fibrose pelo uso do Losartan, o antagonista de AngII. Os principais objetivos deste projeto são estudar detalhadamente a relação da fibrose do músculo esquelético e hipertensão via receptor de angiotensina, e na segunda fase do projeto, elaborar um procedimento de terapia gênica contra a fibrose muscular.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
STILHANO, ROBERTA SESSA; SAMOTO, VIVIAN YOCHIKO; SILVA, LEONARDO MARTINS; PEREIRA, GUSTAVO JOSE; ERUSTES, ADOLFO GARCIA; SMAILI, SORAYA SOUBHI; HAN, SANG WON. Reduction in skeletal muscle fibrosis of spontaneously hypertensive rats after laceration by microRNA targeting angiotensin II receptor. PLoS One, v. 12, n. 10 OCT 23 2017. Citações Web of Science: 1.
MADRIGAL, JUSTIN L.; STILHANO, ROBERTA S.; SILTANEN, CHRISTIAN; TANAKA, KIMBERLY; REZVANI, SABAH N.; MORGAN, RYAN P.; REVZIN, ALEXANDER; HAN, SANG W.; SILVA, EDUARDO A. Microfluidic generation of alginate microgels for the controlled delivery of lentivectors. JOURNAL OF MATERIALS CHEMISTRY B, v. 4, n. 43, p. 6989-6999, NOV 21 2016. Citações Web of Science: 10.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.