Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo da qualidade dos sedimentos da foz natural do Rio Ribeira de Iguape (APA marinha Litoral Sul, SP) através de ensaios ecotoxicológicos.

Processo: 12/03939-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de maio de 2012
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2013
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia Sanitária - Saneamento Ambiental
Pesquisador responsável:Denis Moledo de Souza Abessa
Beneficiário:Bruno Galvão de Campos
Instituição-sede: Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus Experimental do Litoral Paulista. São Vicente , SP, Brasil
Assunto(s):Rio Ribeira de Iguape   Contaminação   Ecotoxicologia

Resumo

As Áreas de Proteção Ambiental (APA) surgiram com o intuito de promover a conservação do ambiente assim como melhoria das condições de vida da população, de modo sustentável. O litoral do Estado de São Paulo possui um mosaico quase continuo de Unidades de Conservação, podendo ser destacadas a APA marinha litoral Sul (APAMLC) e a Área de Proteção Ambiental de Cananéia, Iguape, e Peruíbe (APA CIP). A foz do Rio Ribeira de Iguape está inserida na interface dessas áreas de proteção ambiental, estando próxima da APA Ilha Comprida, a sudeste, e da Estação Ecológica de Juréia-Itatins, ao norte. É reconhecido o histórico de contaminação por metais na bacia do Rio Ribeira de Iguape devido ao descarte de resíduos da exploração de chumbo, assim como o transporte de contaminantes para região costeira, onde ocorre a deposição dos contaminantes nos sedimentos, que por sua vez pode causar toxicidade nos organismos bentônicos e provocar riscos ecológicos à biota. Desse modo o objetivo do presente trabalho é avaliar a qualidade do sedimento na região da foz natural do rio Ribeira de Iguape, através de análises sedimentológicas e ensaios de ecotoxicidade de sedimento integral. Para tal serão utilizados organismos sensíveis a contaminantes. No teste de toxicidade aguda será utilizado o anfípodo escavador Tiburonella viscana, para o teste crônico o copépodo bentônico Tisbe biminiensis, ambos conduzidos de acordo com protocolos internacionais. Caso seja evidenciada toxicidade nas amostras, será avaliada sua relação com a granulometria e teores de carbono orgânico, já que dados preliminares indicam que os metais entram no sistema a partir do material particulado. Os resultados do presente projeto deverão fornecer informações sobre a influência das atividades realizadas a montante do rio, sobre a qualidade ambiental de diferentes UC, auxiliando no manejo dessas unidades e na elaboração de políticas visando a conservação ambiental.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ABESSA, DENIS M. S.; ALBUQUERQUE, HEITOR C.; MORAIS, LUCAS G.; ARAUJO, GIULIANA S.; FONSECA, TAINA G.; CRUZ, ANA C. F.; CAMPOS, BRUNO G.; CAMARGO, JULIA B. D. A.; GUSSO-CHOUERI, PALOMA K.; PERINA, FERNANDO C.; CHOUERI, RODRIGO B.; BURUAEM, LUCAS M. Pollution status of marine protected areas worldwide and the consequent toxic effects are unknown. Environmental Pollution, v. 243, n. B, p. 1450-1459, DEC 2018. Citações Web of Science: 8.
CAMPOS, B. G.; CRUZ, A. C. F.; BURUAEM, L. M.; RODRIGUES, A. P. C.; MACHADO, W. T. V.; ABESSA, D. M. S. Using a tiered approach based on ecotoxicological techniques to assess the ecological risks of contamination in a subtropical estuarine protected area. Science of The Total Environment, v. 544, p. 564-573, FEB 15 2016. Citações Web of Science: 9.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.