Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise funcional de antígenos câncer/testículos em glioblastoma

Processo: 11/15118-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de maio de 2012
Vigência (Término): 31 de julho de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina
Pesquisador responsável:Karina Ramalho Bortoluci
Beneficiário:Thaís Priscila Biassi
Instituição-sede: Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas (ICAQF). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus Diadema. Diadema , SP, Brasil
Assunto(s):Oncologia   Análise funcional   Glioblastoma   Testículo

Resumo

O glioblastoma (GBM), astrocitoma grau IV OMS, é o tumor cerebral primário maligno mais freqüente em adultos. Caracterizado por ser um tumor altamente resistente à terapia, e visto o prognóstico desfavorável dos pacientes com glioblastomas quanto ao tratamento atual, novas abordagens terapêuticas são necessárias. Uma abordagem atrativa é o emprego de antígenos tumorais como alvos específicos visando estimular o sistema imune do paciente. Um pré-requisito para o sucesso dessas estratégias é a existência de genes que são exclusivamente ou preferencialmente expressos em tecidos malignos quando comparados com tecidos normais. Antígenos câncer-testículo (CTA) são considerados como potenciais candidatos para o desenvolvimento de vacinas, uma vez que são expressos em vários tumores e a expressão em tecidos humanos está quase limitada às células germinativas do testículo e células trofoblásticas, considerados sítios imunoprivilegiados. Aliados ao fato de que muitos dos achados presentes na gametogênese e placentação, como migração, invasão, escape imunológico, resistência à apoptose e indução da angiogênese são os mesmos que conferem aos tumores seu potencial de malignidade, é de grande importante compreender a função celular destes CTAs nas células tumorais. Assim a partir da análise funcional de quatro genes CTAs validados com alta expressão em glioblastomas, não expressos em tecido normal de cérebro pretende-se: analisar em diferentes culturas de linhagens celulares de GBM a superexpressão e o silenciamento de quatro genes CTAs; verificar se há correlação com a expressão destes genes em linhagens célulares de GBM quanto a proliferação, apoptose, invasão, migração e alteração ciclo celular.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
RODRIGUES-JUNIOR, DORIVAL MENDES; BIASSI, THAIS PRISCILA; CARLIN, VIVIANE; BURI, MARCUS VINICIUS; TORRECILHAS, ANA CLAUDIA; BORTOLUCI, KARINA RAMALHO; VETTORE, ANDRE LUIZ. OIP5 Expression Sensitize Glioblastoma Cells to Lomustine Treatment. JOURNAL OF MOLECULAR NEUROSCIENCE, v. 66, n. 3, p. 383-389, NOV 2018. Citações Web of Science: 1.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.