Busca avançada
Ano de início
Entree

Distribuição e estimativa populacional do veado-mão-curta (Mazama nana) utilizando amostragem genética não invasiva e modelagem

Processo: 12/01095-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2012
Vigência (Término): 31 de julho de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Ecologia - Ecologia Aplicada
Pesquisador responsável:Hilton Thadeu Zarate Do Couto
Beneficiário:Márcio Leite de Oliveira
Instituição-sede: Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (ESALQ). Universidade de São Paulo (USP). Piracicaba , SP, Brasil
Assunto(s):Mata Atlântica   Mazama

Resumo

O veado-mão-curta (Mazama nana) é uma espécie de cervídeo que ocupa as matas da região sul do Brasil e tem sido muito afetada pela redução drástica das áreas florestadas, especialmente da floresta ombrófila mista. Trata-se da espécie de cervídeo neotropical menos estudada pela ciência sendo seu estado de conservação classificado pela União Internacional para a Conservação da Natureza dentro da categoria "Dados deficientes" e os órgãos brasileiros, com base em inferências sobre a redução do habitat, classificam a espécie como ameaçada de extinção dentro da categoria vulnerável. Frente a essa situação, o presente projeto se propõe a determinar parâmetros ecológicos básicos da espécie como distribuição, abundância e proporção sexual. Dada a raridade e a alta elusividade da espécie, propõe-se o uso de metodologias indiretas para se atingir o objetivo proposto. Assim, serão usadas metodologias baseadas na coleta de amostras fecais, extração do DNA e posterior análise molecular e genética. Serão coletadas cerca de 200 amostras fecais com o auxílio de um cão farejador em 15 unidades de conservação distribuídas ao longo do sul do Brasil. A escolha dessas unidades propositalmente contemplou áreas de diferentes tamanhos e diferentes formações florestais. Após a identificação da espécie através de PCR/RFLP e com os dados de localização das amostras serão feitas modelagens de distribuição. Será escolhida uma unidade de conservação, como a presença da espécie e de fácil logística e amostragem, onde será feita uma coleta de amostras fecais, baseada em faixas, mensalmente durante três meses para se estimar a população através de modelos de captura-marcação-recaptura. Com esses dados será calculada a densidade da espécie para a área amostrada. Para isso, as amostras fecais serão individualizadas com 5 marcadores microssatélites. Com os dados de abundância e a sexagem das amostras através da amplificação do loco da amelogenina será calculada a proporção sexual. A modelagem da distribuição será feita no software Maxent utilizando os pontos de ocorrência encontrados e as variáveis ambientais da base Ambdata do INPE. Essas informações contribuirão para o início de um monitoramento adequado da espécie bem como para a determinação de áreas prioritárias para a conservação da mesma.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DE OLIVEIRA, MARCIO LEITE; ZARATE DO COUTO, HILTON THADEU; BARBANTI DUARTE, JOSE MAURICIO. Distribution of the elusive and threatened Brazilian dwarf brocket deer refined by non-invasive genetic sampling and distribution modelling. EUROPEAN JOURNAL OF WILDLIFE RESEARCH, v. 65, n. 2 APR 2019. Citações Web of Science: 0.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
OLIVEIRA, Márcio Leite de. Distribuição e estimativa populacional do veado-mão-curta (Mazama nana) utilizando amostragem não invasiva. 2015. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz Piracicaba.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.