Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação farmacocinética do extrato bruto e de metabólitos secundários das folhas de Copaifera langsdorffii Desf.

Processo: 12/03852-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2012
Vigência (Término): 12 de março de 2016
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Farmácia - Farmacognosia
Pesquisador responsável:Jairo Kenupp Bastos
Beneficiário:Juliana de Carvalho da Costa
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto (FCFRP). Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):13/09666-1 - Avaliação Farmacocinética de metabólitos secundários das folhas de Copaifera langsdorffii Desf, BE.EP.DR
Assunto(s):Copaifera langsdorffii   Farmacocinética

Resumo

As plantas do gênero Copaifera L., popularmente conhecidas como "copaibeiras" ou "pau d'óleo", são nativas da região tropical da América Latina e da África Ocidental. O óleo-resina obtido através de uma pequena incisão no tronco da árvore é um valioso remédio na medicina popular, tendo sido recentemente incluído como umas das monografias do primeiro Formulário de Fitoterápicos da Farmacopéia Brasileira. Porém, com relação às partes aéreas do gênero Copaifera, há pouquíssimos estudos relatando sua composição química e suas atividades biológicas. Contudo, nos últimos anos, nosso grupo de pesquisa vem estudando o óleo-resina e as partes aéreas da espécie Copaífera langsdorffii Desf. e foi possível observar que o extrato hidroalcoólico das folhas apresentou atividade antilitiásica in vivo. Com a intenção de descobrir quais os possíveis princípios ativos relacionados a esta atividade, foram isolados e identificados alguns compostos da espécie. Quercetina-3-O-±-L-ramnopiranosídeo (quercitrina) e o ácido 4-metóxi-3-O-galoilquínico, bem como o extrato das folhas de C. langsdorffii serão estudados, no presente trabalho, farmacocineticamente em ratos Wistar tratados com dose única desses compostos. Considerando que para apresentar atividade antilitiásica os compostos ativos devem ser eliminados por via renal, será investigado o comportamento farmacocinético desses componentes no plasma e na urina, bem como identificação de possíveis metabólitos destes por cromatografia líquida de alta eficiência em tandem (CLAE-EM/EM). Os parâmetros farmacocinéticos serão calculados pelo software WinNonlin.Palavras-chave: Copaifera langsdorffii, quercitrina, ácido galoilquínico, farmacocinética, CLAE-EM/EM.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
DA COSTA, JULIANA DE CARVALHO; MOTTA, ERICK V. S.; BARRETO, FABIANO; DE ARAUJO, BIBIANA VERLINDO; DERENDORF, HARTMUT; BASTOS, JAIRO KENUPP. Development and Validation of a Sensitive UFLC-MS/MS Method for Quantification of Quercitrin in Plasma: Application to a Tissue Distribution Study. ACS OMEGA, v. 4, n. 2, p. 3527-3533, FEB 2019. Citações Web of Science: 0.
DA SILVA MOTTA, ERICK VICENTE; DA COSTA, JULIANA DE CARVALHO; BASTOS, JAIRO KENUPP. A validated HPLC-UV method for the analysis of galloylquinic acid derivatives and flavonoids in Copaifera langsdorffii leaves. JOURNAL OF CHROMATOGRAPHY B-ANALYTICAL TECHNOLOGIES IN THE BIOMEDICAL AND LIFE SCIENCES, v. 1061, p. 240-247, SEP 1 2017. Citações Web of Science: 7.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
COSTA, Juliana de Carvalho da. Avaliação farmacocinética do extrato bruto e de metabólitos secundários das folhas de Copaifera langsdorffii Desf.. 2016. Tese de Doutorado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto Ribeirão Preto.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.