Busca avançada
Ano de início
Entree

Investigação dos Efeitos da Chlorella vulgaris e do extrato do chá vede (Camellia sinensis) em animais transplantados com as linhagens mielomonocíticas P39 e HL-60

Processo: 12/06675-7
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2012
Vigência (Término): 31 de maio de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Sara Teresinha Olalla Saad
Beneficiário:Andrana Karla Calgarotto
Instituição-sede: Centro de Hematologia e Hemoterapia (HEMOCENTRO). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Transdução de sinais   Chlorella vulgaris   Hematologia

Resumo

Embora nas últimas décadas a indústria farmacêutica tenha priorizado sua pesquisa com substâncias sintéticas, atualmente a necessidade por compostos mais eficazes e com menos efeitos colaterais têm aumentado consideravelmente o interesse em terapias alternativas que utilizam produtos naturais, especialmente derivados de plantas. Estudos anteriores pelo nosso grupo identificaram a Chlorella e o extrato de chá verde como potenciais drogas imunomoduladoras. Estes produtos podem também reduzir a proliferação celular e induzir a morte de células neoplásicas. A comprovação de que espécies como a Chlorella vulgaris e do extrato do Chá vede (Camellia sinensis) possam interferir nos mecanismos moleculares envolvidos na patogenia do câncer, possibilitaria a sua utilização clínica. Assim, pretendemos investigar as vias de sinalização envolvidas na ação destas drogas, em células leucêmicas P39 e HL-60 inoculadas em camundongos NOD/SCID. Considerando a nossa experiência e instrumentalização para a investigação fisiopatológica, pretendemos estudar completamente o mecanismo de ação destes compostos.