Busca avançada
Ano de início
Entree

Avaliação da toxicidade do azocorante Acid Red 114 antes e após processo de biodegradação por meio de um consórcio de microrganismos

Processo: 12/01616-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de junho de 2012
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Mutagênese
Pesquisador responsável:Maria Aparecida Marin Morales
Beneficiário:Nádia Aline Corroqué
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Assunto(s):Genotoxicidade   Testes de mutagenicidade

Resumo

As indústrias têxteis tem contribuído para a contaminação de corpos d'água através do descarte de seus efluentes no meio ambiente. Essas indústrias utilizam uma grande diversidade de corantes em seus processos e entre eles, estão os azocorantes, que são importantes por ter um uso extenso e também por sua dificuldade de degradação visto a complexidade da molécula e sua insolubilidade em água. Dentro do grupo dos azocorantes encontra-se o corante Acid Red 114, que é o centro deste estudo. Perante este cenário, o presente projeto foi proposto com o intuito de avaliar a toxicidade deste corante, bem como sua biorremediação através de consórcio de microrganismos e a toxicidade dos compostos gerados pela biorremediação. Para avaliação da toxicidade serão considerados os parâmetros: genotoxicidade e mutagenicidade. Para análise da genotoxicidade será utilizado o Ensaio do Cometa em cultura de células humanas das linhagens HepG2 e HFF-1. Já para avaliar o potencial mutagênico, serão realizados os testes do micronúcleo (MN) em cultura de células humanas das linhagens HepG2 e HFF-1 e o teste de Ames (Salmonella tiphimurium).

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
CORROQUÉ, Nádia Aline. Avaliação da toxicidade do azocorante Acid Red 114 antes e após processo de biodegradação por meio de um consórcio de microorganismos. 2014. 104 f. Dissertação de Mestrado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências (Campus de Rio Claro)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.