Busca avançada
Ano de início
Entree

Efeito do consumo de alimentos biofortificados no estado nutricional de ferro e vitamina a de pré-escolares

Processo: 12/04625-2
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de julho de 2012
Vigência (Término): 30 de abril de 2014
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Nutrição - Análise Nutricional de População
Pesquisador responsável:Regina Mara Fisberg
Beneficiário:Diva Aliete dos Santos Vieira
Instituição-sede: Faculdade de Saúde Pública (FSP). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Consumo de alimentos   Pré-escolar

Resumo

A carência de ferro e a vitamina A é um dos principais problemas nutricionais no grupo pré-escolar, sendo necessário o desenvolvimento de estratégias complementares para o combate dessas deficiências. Nesse contexto, a biofortificação de alimentos apresenta-se como uma alternativa sustentável e de baixo custo para as populações com limitado acesso aos sistemas formais de mercado e de saúde. O objetivo desse trabalho será avaliar o efeito do consumo de produtos biofortificados na melhoria e/ou manutenção do estado nutricional de ferro e vitamina A de pré-escolares do município de Aracaju, Sergipe. Será realizado um estudo intervenção com 300 crianças (3 a 5 anos e 11meses) em duas creches filantrópicas de período integral da cidade de Aracaju, Sergipe. Durante 5 meses do período letivo será avaliada a eficácia dos alimentos biofortificados no estado nutricional de ferro e vitamina A de crianças pré-escolares. As crianças serão divididas em dois grupos, o G1 (grupo intervenção) e o G2 (controle) e durante este período receberão regularmente três refeições por dia (café da manhã, almoço e lanche da tarde), no entanto, apenas o G1 terá em sua alimentação os produtos biofortificados. No início e final do semestre escolar, serão realizadas avaliações bioquímicas, antropométricas das crianças e de consumo alimentar. Realizar-se-á previamente um estudo preliminar no qual serão analisados dados referentes à avaliação antropométrica, avaliação dietética, aceitação dos produtos biofortificados e prevalência de anemia ferropriva nessa população, sendo iniciada a suplementação de ferro nas crianças diagnosticadas anêmicas, antes do início do estudo.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)