Busca avançada
Ano de início
Entree

Diversidade genética de Klebsiella pneumoniae produtoras de KPC isoladas de vários hospitais do Estado de São Paulo

Processo: 12/06828-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2012
Vigência (Término): 30 de setembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Molecular e de Microorganismos
Pesquisador responsável:Doroti de Oliveira Garcia
Beneficiário:Gabriela Rodrigues Francisco
Instituição-sede: Instituto Adolfo Lutz (IAL). Coordenadoria de Controle de Doenças (CCD). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Klebsiella pneumoniae   Microbiologia

Resumo

Em 2005 uma cepa de Klebsiella pneumoniae produtora de KPC foi isolada pela primeira vez no Brasil, rapidamente se disseminando por vários hospitais no Estado de São Paulo, assim como para outros Estados. O objetivo deste estudo é avaliar a diversidade genética de cepas de K. pneumoniae produtoras de KPC isoladas de vários hospítais do Estado de São Paulo para detectar disseminação clonal intra e inter-hospitais. Aproximadamente 100 cepas de K. pneumoniae, provenientes de vários hospitais do Estado de São Paulo, encaminhadas ao Instituto Adolfo Lutz e previamente confirmadas em nosso laboratório como K. pneumoniae produtoras de KPC pelo uso de testes de sensibilidade aos antimicrobianos (disco difusão e diluição) e PCR serão selecionadas e submetidas à eletroforese em campo pulsado (PFGE) e Multi-Locus Sequence Typing (MLST). PFGE será feito de acordo com o protocolo do CDC, modificado por Gautom (1997). DNA genômico será digerido com a enzima de restrição XbaI (Chef-III, BioRad) e o perfil de restrição será analisado pelo software Bionumerics, versão 6.2, 2011 (Applied Maths, Kortrig, Bélgica). Para o MLST serão utilizados 7 genes "housekkeping" e as sequências de alelos e perfis de sequências tipo (STs) serão verificadas pelo site http://pubmist.org/kpneumoniae. (AU)