Busca avançada
Ano de início
Entree

Formalização da descrição de Mazamastrongylus tayassui nom. nud. e comparação de características morfológicas entre espécimes obtidos de catetos Pecari tayacu e queixadas Tayassu pecari de cativeiro e vida-livre

Processo: 12/09840-9
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2012
Vigência (Término): 31 de julho de 2013
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Medicina Veterinária - Medicina Veterinária Preventiva
Pesquisador responsável:Estevam Guilherme Lux Hoppe
Beneficiário:Débora Emy Karcher
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Assunto(s):Animais selvagens   Helmintologia veterinária   Parasitologia veterinária   Nematoda   Zoologia (classificação)

Resumo

Os nematódeos Ostertagiinae (Nematoda: Trichostrongylidae) são importantes parasitas gástricos de herbívoros. Por apresentarem taxonomia confusa devido ao polimorfismo de algumas espécies, existem diferenças na composição genérica desse grupo quando são comparadas chaves tradicionais com artigos mais recentes. Na região Neotropical são conhecidas apenas algumas espécies do gênero Mazamastrongylus. Destas, M. tayassui nom. nud. não teve sua descrição taxonômica formalizada. Esse nematódeo, descrito originalmente em taiassuídeos de vida-livre capturados no Pantanal brasileiro, também foi diagnosticado em criação comercial de catetos e queixadas, exibindo indicadores de infecção bastante relevantes, que indicam um bom estabelecimento do parasita em condições de cativeiro. A descrição formal desse nematódeo, além de contribuir para o conhecimento da biodiversidade neotropical, é fundamental para permitir que outros estudos possam ser desenvolvidos. (AU)