Busca avançada
Ano de início
Entree

Relações entre a comunidade acima e abaixo do solo em diferentes sistemas de restauração ecológica da floresta estacional semidecidual.

Processo: 11/23593-1
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2012
Vigência (Término): 31 de março de 2016
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Recursos Florestais e Engenharia Florestal - Conservação da Natureza
Pesquisador responsável:Vera Lex Engel
Beneficiário:Deivid Lopes Machado
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Biodiversidade   Restauração florestal

Resumo

As práticas de reflorestamento almejando a restauração ecológica carecem ainda de muitos parâmetros que permitam avaliar sua eficiência. As lacunas do conhecimento são ainda maiores no que tange às relações entre a comunidade acima e abaixo do solo e o funcionamento dos ecossistemas florestais. O objetivo deste trabalho é avaliar como a diversidade e complexidade estrutural da vegetação afeta a comunidade edáfica, e como a relação entre esses componentes influi no funcionamento de ecossistemas florestais em processos de restauração. Serão avaliados quatro modelos de plantio, instalados em 1997, que se diferenciam pelo número de espécies plantadas: semeadura direta (5), sistema agroflorestal (20), consórcio para madeira e lenha (25 espécies) e um plantio com alta diversidade (41 espécies). Também serão avaliados um tratamento controle, em que não foi feito plantio (restauração passiva) e um fragmento vizinho de floresta estacional semidecidual, como referência. Serão avaliados: o aporte e estoque de serapilheira e seu teor de nutrientes, a taxa de decomposição do material foliar, a liberação de nutrientes, a macrofauna e mesofauna edáfica e atributos químicos e físicos do solo (fertilidade, composição granulométrica, densidade, estabilidade de agregados, matéria orgânica, análise isotópica do 13C e estoque de carbono). Atributos estruturais da vegetação serão também estudados. Os resultados serão submetidos à análises de variância e multivariadas (correlações canônicas e análises de regressão múltiplas), a fim de se verificar diferenças entre os tratamentos e de se associar os atributos estruturais da vegetação a atributos funcionais do solo.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
MACHADO, Deivid Lopes. Aporte de serapilheira, fauna edáfica e matéria orgânica do solo em diferentes sistemas de restauração florestal. 2016. 183 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Ciências Agronômicas (Campus de Botucatu)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.