Busca avançada
Ano de início
Entree

Mecanismos moleculares envolvidos na determinação do destino de neuroblastos migratórios

Processo: 12/06810-1
Modalidade de apoio:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de junho de 2012
Vigência (Término): 04 de outubro de 2017
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Morfologia - Citologia e Biologia Celular
Pesquisador responsável:Marimélia Aparecida Porcionatto
Beneficiário:Mayara Terra Villela Vieira Mundim
Instituição Sede: Escola Paulista de Medicina (EPM). Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Campus São Paulo. São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):14/00927-0 - Papel da galectina-3 na migração de neuroblastos em modelo de traumatismo crânio-encefálico, BE.EP.DR
Assunto(s):Movimento celular   Quimiotaxia   Células-tronco neurais   Neurogênese
Palavra(s)-Chave do Pesquisador:célula-tronco neural | Cxcl12 | migração | neuroblasto | Pk2 | quimiotaxia | Neurobiologia celular e molecular

Resumo

O cérebro de mamíferos adultos possui duas áreas neurogênicas bem definidas, a zona subgranular do giro denteado do hipocampo, cujas células produzidas integram a camada granular do próprio giro denteado, e a zona subventricular, designada a produzir neuroblastos que migram pela corrente migratória rostral até o bulbo olfatório, onde se diferenciam em interneurônios. No entanto, em casos de lesão no sistema nervoso central, neuroblastos produzidos no nicho neurogênico da zona subventricular são guiados para a área lesionada, respondendo a quimioatraentes produzidos localmente, embora a migração de neuroblastos para o bulbo olfatório continue ocorrendo. Embora parte dos mecanismos e fatores envolvidos no controle da migração de neuroblastos seja conhecida ainda existem pontos a serem esclarecidos. Uma das questões se refere à decisão dos neuroblastos quanto ao seu destino final, o bulbo olfatório ou uma lesão. Ainda não está claro se os neuroblastos que migram para a lesão e os que migram para o bulbo olfatório são provenientes de uma mesma população que responde a estímulos quimiotáticos distintos, decidindo entre um e outro estímulo dependendo, por exemplo, da intensidade, ou se existem diferentes subpopulações com destinos pré-determinados. Deste modo o objetivo do nosso trabalho é investigar se existe pré-determinação dos neuroblastos da zona subventricular quanto ao seu destino, ou se são suscetíveis a mudanças em sua rota migratória em resposta a estímulos quimiotáticos distintos. Para alcançar esse objetivo, utilizaremos cultura de células-tronco neurais em neurosferas para estudar o comportamento migratório dos neuroblastos gerados a partir dessas células em resposta a dois fatores quimiotáticos solúveis, PK2 e CXCL12. PK2 é produzida no bulbo olfatório e é um dos fatores responsáveis pelo direcionamento de neuroblastos para o bulbo. A quimiocina CXCL12 é uma das principais citocinas inflamatórias produzidas em resposta a lesões e é um dos fatores responsáveis pela quimioatração de neuroblastos para uma lesão no sistema nervoso central. Utilizando os fatores e inibidores de suas vias de sinalização, acompanharemos a migração de neuroblastos in vitro por microscopia em tempo real. Depois de conhecermos os padrões migratórios in vitro, partiremos para uma abordagem in vivo, observando o comportamento decisório de neuroblastos em modelo de traumatismo cranioencefálico em camundongos. Esperamos que o estudo destes mecanismos de migração auxilie na melhor compreensão da neurogênese em situações patológicas e possível aplicação em terapias futuras. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas (5)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
ZAMPRONI, LAURA N.; MUNDIM, MAYARA T. V. V.; PORCIONATTO, MARIMELIA A.. eurorepair and Regeneration of the Brain: A Decade of Bioscaffolds and Engineered Microtissu. FRONTIERS IN CELL AND DEVELOPMENTAL BIOLOGY, v. 09, . (18/12605-8, 12/06810-1, 14/00927-0, 14/23797-4, 13/16533-8)
CHANG, EUN HYUK; ADORJAN, ISTVAN; MUNDIM, MAYARA V.; SUN, BIN; DIZON, MARIA L. V.; SZELE, FRANCIS G.. Traumatic Brain Injury Activation of the Adult Subventricular Zone Neurogenic Nichet. FRONTIERS IN NEUROSCIENCE, v. 10, . (12/06810-1, 14/00927-0)
ZAMPRONI, LAURA N.; MUNDIM, MAYARA T. V. V.; PORCIONATTO, MARIMELIA A.. Neurorepair and Regeneration of the Brain: A Decade of Bioscaffolds and Engineered Microtissue. FRONTIERS IN CELL AND DEVELOPMENTAL BIOLOGY, v. 09, p. 16-pg., . (14/00927-0, 14/23797-4, 18/12605-8, 13/16533-8, 12/06810-1)
MUNDIM, MAYARA VIEIRA; ZAMPRONI, LAURA NICOLETI; SARDINHA PINTO, AGNES ARAUJO; GALINDO, LAYLA TESTA; XAVIER, ANDRE MACHADO; GLEZER, ISAIAS; PORCIONATTO, MARIMELIA. A new function for Prokineticin 2: Recruitment of SVZ-derived neuroblasts to the injured cortex in a mouse model of traumatic brain injury. Molecular and Cellular Neuroscience, v. 94, p. 1-10, . (12/00652-5, 12/06810-1)
CHANG, EUN HYUK; ADORJAN, ISTVAN; MUNDIM, MAYARA V.; SUN, BIN; DIZON, MARIA L. V.; SZELE, FRANCIS G.. Traumatic Brain Injury Activation of the Adult Subventricular Zone Neurogenic Niche. FRONTIERS IN NEUROSCIENCE, v. 10, p. 14-pg., . (14/00927-0, 12/06810-1)

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas utilizando este formulário.