Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo estrutural e composicional de materiais nanoestruturados utilizando técnicas avançadas de microscopia eletrônica de transmissão (MET)

Processo: 12/09200-0
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2012
Vigência (Término): 30 de novembro de 2012
Área do conhecimento:Engenharias - Engenharia de Materiais e Metalúrgica - Materiais Não-metálicos
Pesquisador responsável:Elson Longo da Silva
Beneficiário:Waldir Avansi Junior
Supervisor no Exterior: Raul Arenal
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Araraquara. Araraquara , SP, Brasil
Local de pesquisa: Universidad de Zaragoza, Espanha  
Vinculado à bolsa:10/20481-5 - Síntese e caracterização de heteroestruturas a partir de vanadatos obtidos pelo método peróxido oxidante, BP.PD
Assunto(s):Materiais nanoestruturados   Microscopia eletrônica de transmissão   Peróxidos

Resumo

Os materiais nanoestruturados vêm sendo extensivamente estudados não somente pelas novas propriedades e suas possíveis aplicações tecnológicas, mas também pela busca de melhor compreensão de seus aspectos físicos e químicos. Dentre os diversos métodos de caracterização utilizados no estudo desta classe de materiais, a microscopia eletrônica de transmissão (MET) tem se destacado como uma técnica poderosa de caracterização pela possibilidade de combinação de imagens às analises estruturais e espectroscópicas em um único experimento, com resolução atômica. Diante disso, este projeto visa à caracterização através de técnicas avançadas de MET de nanoestruturas obtidas pela decomposição de peróxido complexos utilizando tratamentos hidrotermais. Tanto a morfologia quanto as propriedades físicas e químicas das nanoestruturas serão avaliadas utilizando a combinação de técnicas como microscopia eletrônica de transmissão de alta resolução (HRTEM/HRSTEM), espectroscopia de Raios X por dispersão de energia (XEDS) e espectroscopia por perda de energia de elétrons (EELS). Além de se utilizar um método de síntese de grande potencialidade, os resultados obtidos serão correlacionados aos resultados provenientes de técnicas de caracterização já empregadas no projeto principal (processo 2010/20481-5), como por exemplo, difração de raios X (DRX) microscopia eletrônica de transmissão de alta resolução (HRTEM) e espectroscopia de Absorção de Raios X (XAS). (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)