Busca avançada
Ano de início
Entree

Diversificação genética, morfológica e acústica em populações de um anuro endêmico da Serra da Canastra

Processo: 12/06228-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de julho de 2012
Vigência (Término): 30 de outubro de 2016
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Zoologia
Pesquisador responsável:Cynthia Peralta de Almeida Prado
Beneficiário:Renato Christensen Nali
Instituição-sede: Instituto de Biociências (IB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Rio Claro. Rio Claro , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:09/12013-4 - Ecologia reprodutiva de anfíbios anuros: uma abordagem evolutiva, AP.JP
Bolsa(s) vinculada(s):14/04394-6 - Diversificação genética em populações de Bokermannohyla ibitiguara (Anura, Hylidae) de áreas de Cerrado preservadas e fragmentadas, BE.EP.DR   13/04023-5 - Caracterização de microssatélites para Bokermannohyla ibitiguara (Anura, Hylidae), BE.EP.DR
Assunto(s):Bioacústica   Genética da paisagem   Conservação   Morfometria   Savana   Anfíbios

Resumo

O Cerrado é o segundo maior domínio morfoclimático da América do Sul e a maior savana do mundo; apesar disso, menos de 10% de sua área atual é legalmente protegida. Esta formação abriga cerca de 204 espécies de anfíbios anuros, os quais são, atualmente, um dos grupos mais ameaçados dentre os vertebrados. Estudos com genética de paisagem - união entre genética de populações e ecologia de paisagem - tem aumentado nos últimos anos. Tais estudos, aliados a diferenças morfológicas e comportamentais, são importantes para se compreender a estruturação genética de subpopulações de anuros e os processos responsáveis pela diferenciação populacional ao longo de suas áreas de ocorrência. Esta pesquisa tem como objetivo estudar a variabilidade genética e fenotípica em populações de Bokermannohyla ibitiguara, um hilídeo habitante de riachos e endêmico da Serra da Canastra, no Cerrado brasileiro. Pretende-se testar as hipóteses de que: (i) a espécie está estruturada em subpopulações de acordo com o riacho em que ocorrem; (ii) uma maior diferenciação genética está correlacionada com a distância geográfica entre as subpopulações; (iii) tal diferenciação genética está também correlacionada com a ausência de áreas que possibilitem a dispersão dos indivíduos (e.g. mata ciliar); (iv) as subpopulações com barreiras ao fluxo gênico são mais diferenciadas morfologicamente entre si; (v) estas mesmas subpopulações apresentam diferenciação quanto aos parâmetros acústicos da vocalização dos machos, e (vi) dada a menor conexão entre as matas de galeria, as subpopulações de áreas desmatadas apresentam menor variabilidade genética. Desta forma, pretende-se compreender a estrutura populacional da espécie de forma integrada, utilizando caracteres genéticos, morfológicos e comportamentais. Nossa amostragem abrange tanto fragmentos de matas em área rural (Cerrado modificado), quanto o Parque Nacional da Serra da Canastra (Cerrado protegido), no estado de Minas Gerais. Portanto, dados provenientes deste projeto poderão vir a fornecer subsídios para ações conservacionistas tanto para a espécie quanto para todo o Cerrado.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
En el Cerrado, la topografía explica la diversidad genética de los anfibios más que la cobertura vegetal 
No Cerrado, topografia explica diversidade genética de anfíbios mais do que cobertura vegetal 
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (16 total):
Mais itensMenos itens
G1: Pesquisa detecta impacto da topografia na variação genética de anfíbios (08/Dez/2020)
Phys.Org (Reino Unido): In the Cerrado, topography explains the genetic diversity of amphibians more than land cover (23/Nov/2020)
Science Codex: In the Cerrado, topography explains the genetic diversity of amphibians more than land cover (23/Nov/2020)
Scienmag Science Magazine (Reino Unido): In the Cerrado, topography explains the genetic diversity of amphibians more than land cover (23/Nov/2020)
7thSpace: In the Cerrado, topography explains the genetic diversity of amphibians more than land cover (23/Nov/2020)
NerdsWire (Alemanha): Im Cerrado erklärt die Topographie die genetische Vielfalt von Amphibien mehr als die Landbedeckung (23/Nov/2020)
Funverde: No Cerrado, topografia explica diversidade genética de anfíbios mais do que cobertura vegetal (03/Nov/2020)
Dom Total: Topografia do Cerrado explica diversidade genética de anfíbios, afirma estudo (31/Out/2020)
Plurale online: No Cerrado, topografia explica diversidade genética de anfíbios mais do que cobertura vegetal (29/Out/2020)
Espaço Ecológico no Ar: No Cerrado, topografia explica diversidade genética de anfíbios mais do que cobertura vegetal (28/Out/2020)
Ecoa: No Cerrado, topografia explica diversidade genética de anfíbios mais do que cobertura vegetal (28/Out/2020)
Revista Amazônia: No Cerrado, topografia explica diversidade genética de anfíbios mais do que cobertura vegetal (28/Out/2020)
Revista Ecológico online: No Cerrado, topografia explica diversidade genética de anfíbios mais do que cobertura vegetal (28/Out/2020)
Blog Jornal da Mulher: No Cerrado, topografia explica diversidade genética de anfíbios mais do que cobertura vegetal (28/Out/2020)
Gestão Ambiental: Topografia explica a diversidade genética de anfíbios mais do que cobertura vegetal no Cerrado (28/Out/2020)
Sou Ecológico: No Cerrado, topografia explica diversidade genética de anfíbios mais do que cobertura vegetal (28/Out/2020)

Publicações científicas (7)
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
NALI, RENATO C.; BECKER, CARLOS GUILHERME; ZAMUDIO, KELLY R.; PRADO, CYNTHIA P. A. Topography, more than land cover, explains genetic diversity in a Neotropical savanna tree frog. DIVERSITY AND DISTRIBUTIONS, v. 26, n. 12 AUG 2020. Citações Web of Science: 0.
BORGES, MARILIA M.; NALI, RENATO C.; FIORILLO, BRUNO F.; PRADO, CYNTHIA P. A. Site fidelity, reproductive behavior and investment in the Brazilian Reticulate Leaf Frog, Pithecopus ayeaye LUTZ, 1966 (Anura: Phyllomedusidae). HERPETOZOA, v. 31, n. 1-2, p. 61-68, AUG 30 2018. Citações Web of Science: 1.
TURIN, RUBENS A. F.; NALI, RENATO C.; PRADO, CYNTHIA P. A. Intraspecific call variation in a Neotropical gladiator frog with a complex advertisement call. Amphibia-Reptilia, v. 39, n. 1, p. 31-39, 2018. Citações Web of Science: 0.
ZAMUDIO, KELLY R.; BELL, RAYNA C.; NALI, RENATO C.; HADDAD, CELIO F. B.; PRADO, CYNTHIA P. A. Polyandry, Predation, and the Evolution of Frog Reproductive Modes. American Naturalist, v. 188, n. 1, p. S41-S61, SEP 2016. Citações Web of Science: 12.
NALI, RENATO C.; BORGES, MARILIA M.; PRADO, CYNTHIA P. A. Advertisement and release calls of Phyllomedusa ayeaye (Anura: Hylidae) with comments on the social context of emission. Zoologia, v. 32, n. 4, p. 263-269, AUG 2015. Citações Web of Science: 5.
NALI, RENATO C.; ZAMUDIO, KELLY R.; HADDAD, CELIO F. B.; PRADO, CYNTHIA P. A. Size-Dependent Selective Mechanisms on Males and Females and the Evolution of Sexual Size Dimorphism in Frogs. American Naturalist, v. 184, n. 6, p. 727-740, DEC 2014. Citações Web of Science: 24.
NALI, RENATO C.; ZAMUDIO, KELLY R.; PRADO, CYNTHIA P. A. Microsatellite markers for Bokermannohyla species (Anura, Hylidae) from the Brazilian Cerrado and Atlantic Forest domains. Amphibia-Reptilia, v. 35, n. 3, p. 355-360, 2014. Citações Web of Science: 3.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
NALI, Renato Christensen. Diversificação e hibridação em um anuro endêmico do cerrado : genética, morfologia e comportamento. 2016. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Instituto de Biociências (Campus de Rio Claro)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.