Busca avançada
Ano de início
Entree

MicroRNAs circulantes como novos marcadores prognósticos em leucemia mielóide crônica de novo

Processo: 12/07975-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2012
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2012
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Clínica Médica
Pesquisador responsável:Paula de Oliveira Montandon Hokama
Beneficiário:Letícia Antunes Muniz Ferreira
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FMB). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Leucemia   Oncologia

Resumo

PROJETOMicroRNAs circulantes como novos marcadores prognósticos em Leucemia Mielóide Crônicade novo.INICIAÇÃO CIENTÍFICALetícia Antunes MunizPESQUISADOR RESPONSÁVELDra. Paula de Oliveira Montandon HokamaINSTITUIÇÃO SEDEFaculdade de Medicina de Botucatu - UNESPRESUMOA Leucemia Mielóide Crônica (LMC) é uma doença malígna, clonal, da célula tronco hematopoética. A descoberta do cromossomo filadélfia e subsequente identificação do gene bcr-abl, levaram a compreensão da biologia da doença que culminou com o desenvolvimento de drogas alvo-específica, assim como o de métodos moleculares para o monitoramento da doença. O foco atual das pesquisas em LMC está voltado para o maior entendimento dos mecanismos moleculares e epigenéticos que levam a resistência terapêutica e progressão da doença. Estudos recentes demonstram que a expressão de microRNAs específicos modula oncogenes e genes supressores envolvidos no desenvolvimento de neoplasias. De encontro a esta tendência avaliaremos o perfil de miRNAs, de 16 pacientes com LMC de novo, recém diagnosticados. Utilizaremos sistema de miRNA PCR arrays que permite detectar o nível de expressão de aproximadamente 700 miRNAs funcionais humanos, simultaneamente, por PCR quantitativo em tempo real (Human miScript Assay 96 -Qiagen®). A nossa expectativa com este estudo é identificar uma assinatura de microRNA específica e comparar com os resultados encontrados no projeto regular FAPESP 2011/50629-7, o qual estuda o perfil de micro-RNAs dos pacientes com leucemia residual mínima em tratamento.

Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.