Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise da expressão das metaloproteinases e seus inibidores teciduais no músculo detrusor de pacientes com Hiperplasia Prostática Benigna

Processo: 12/10060-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de julho de 2012
Vigência (Término): 31 de outubro de 2013
Área do conhecimento:Ciências da Saúde - Medicina - Cirurgia
Pesquisador responsável:Alberto Azoubel Antunes
Beneficiário:João Arthur Brunhara Alves Barbosa
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Urologia

Resumo

A Hiperplasia prostática benigna (HPB) representa a principal causa de sintomas miccionais no homem adulto. Esses sintomas possuem três componentes fisiopatológicos: Componente mecânico, no qual o aumento volumétrico da próstata provoca diminuição do calibre e aumento da resistência uretral; componente dinâmico, representado pela atividade alfa-adrenérgica aumentada nessa região em virtude da presença na cápsula, no estroma prostático e no colo vesical de altos níveis desses receptores; Componente vesical, decorrente das alterações secundárias à obstrução produzidas pela HPB na musculatura detrusora. Tem emergido na comunidade urológica a preocupação de investigar a fisiodinâmica de descompensação do componente vesical e por que pacientes com níveis de obstrução semelhante evoluem de forma distinta.Objetivos. Determinar o perfil de expressão das metaloproteinases 1, 2 e 9, seus inibidores teciduais TIMP1, TIMP2 e RECK e do colágeno tipo I, III e IV no músculo detrusor de pacientes com HPB. Material e métodos: Pacientes com HPB e obstrução infra-vesical ( n:20 ); Pacientes com HPB e presença de diverticulo vesical ( n:20) ; Controle: Pacientes com tumor vesical inicial < 2cm, sem obstrução infra-vesical (n=20). Variáveis. Variáveis primárias: Pacientes com HPB (Ultrassonografia: peso da próstata, achados da parede vesical,resíduo pós-miccional), Indices urodinâmicos ( fluxo urinário, pressão intravesical, capacidade vesical de enchimento, complacência, presença de contração não inibida, dissinergia vesico-esfincteriana) de pacientes com baixa pressão intravesical miccional, Presença de divertículos, Escore internacional de sintomas prostáticos ( I-PSS). Variáveis secundárias: Idade, atividade física, diabetes mellitus, hipercolesterolemia, tabagismo, etilismo, sequela de doença neurológica, hábito miccional, tempo de sintomas prostáticos, cálculos urinários, antecedente de retenção urinária, antecedente de infecção urinária, presença de hematúria, índice de massa corpórea, Cálculo urinário, medicação para HPB anterior. Métodos estatísticos. Teste de adequação de amostragem pela revisão de literatura e estatística dos resultados com análise descritiva

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
BARBOSA, JOAO ARTHUR BRUNHARA ALVES; REIS, SABRINA T.; NUNES, MARCO; FERREIRA, YURI A.; LEITE, KATIA R.; NAHAS, WILLIAM C.; SROUGI, MIGUEL; ANTUNES, ALBERTO A. The Obstructed Bladder: Expression of Collagen, Matrix Metalloproteinases, Muscarinic Receptors, and Angiogenic and Neurotrophic Factors in Patients With Benign Prostatic Hyperplasia. UROLOGY, v. 106, p. 167-172, AUG 2017. Citações Web of Science: 8.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.