Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo do Perfil Químico de Extratos de Bactérias Endossimbiontes de Diabrotica speciosa.

Processo: 12/11704-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2012
Vigência (Término): 31 de dezembro de 2013
Área do conhecimento:Ciências Exatas e da Terra - Química - Química Orgânica
Pesquisador responsável:Moacir Rossi Forim
Beneficiário:Gustavo Mitsunori Aoyagi
Instituição-sede: Centro de Ciências Exatas e de Tecnologia (CCET). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Bactérias   Química de produtos naturais   Diabrotica speciosa

Resumo

O presente plano de trabalho de iniciação científica tem como objetivo central o estudo do perfil químico de extratos de bactérias endossimbiontes de Diabrotica speciosa. Esse plano de trabalho é um subprojeto derivado de um projeto principal que vem investigando as possibilidades de controle populacional de insetos pragas, por exemplo, D. speciosa, através de ações de inibição biológica sobre os micro-organismos associados a esse inseto, pelo uso de produtos naturais. O conhecimento metabolômico de bactérias presentes no trato gastrointestinal da D. speciosa, permitirá identificar novas moléculas, com potencial para futuros desdobramentos em diversos estudos de atividade biológica. Um ponto de destaque neste projeto são os estudos de interação planta-inseto praga e micro-organismos. Os insetos são os organismos de maior sucesso sobre a Terra, em parte, por causa da capacidade de se alimentar de uma ampla variedade de dietas. Muitas dessas dietas apresentam deficiências nutricionais que, em parte, podem ser supridas por micro-organismos. Este plano de trabalho pretende colaborar numa iniciativa multidisciplinar, forjando a ecologia química, química de produtos naturais e microbiologia numa ação conjunta para a compreensão das interações planta-inseto praga e inseto praga-micro-organismos endossimbiontes. Por exemplo, a flora microbiana, que coloniza o trato digestivo de um inseto praga, via processos enzimáticos ou metabólicos, pode influenciar na decisão de escolha do inseto praga por um determinado tipo de alimento. Por outro lado, o material vegetal (alimento) pode produzir metabólitos de defesa alterando a preferência alimentar do inseto destruindo a flora microbiana endossimbionte. O aluno desenvolverá suas habilidades realizando estudos químicos clássicos com o preparo de extratos, fracionamento e identificação de metabólitos secundários, bem como colaborando com estudos microbiológicos através do isolamento de micro-organismos e desenvolvimento de protocolos para ensaios de inibição microbiana. Alem disso, o aluno realizará uma forte interação com grupos de entomologia através da realização de estudos de atividade larvicida e inseticida, aplicando os metabólitos secundários isolados das bactérias alvo deste estudo.