Busca avançada
Ano de início
Entree

Reconsiderando Catão - a "auctoritas" de Catão o velho na Literatura, da Antiguidade à modernidade

Processo: 12/00924-5
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2012
Vigência (Término): 30 de setembro de 2015
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Literaturas Clássicas
Pesquisador responsável:Marcos Martinho dos Santos
Beneficiário:Martin Tobias Dinter
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Literatura latina   Ethos

Resumo

A figura histórica de Catão o Velho tem sido estudada em detalhes; o que, porém, não tem recebido atenção suficiente é a imagem literária de Catão (Agache, 1980; Astin 1978). Meu projeto pretende reconsiderar a figura de autoridade de Catão no pensamento ocidental, concentrando-se, não em quem teria sido Catão historicamente, mas em como foi visto pelos escritores posteriores. Assim, procurarei estudar a auctoritas que fez de Catão o exemplo moral mais frequentemente empregado na literatura latina de diversas épocas (Humm, 1998). Pretendo mostrar como, na Antiguidade, sua visão severa foi adaptada para reforçar pontos de vista de escritores vários (Girot, 1980; Jones, 1970; Alfonsi, 1954; Hache, 1938). Assim também, pretendo mostrar como a Idade Média e também o Renascimento se voltaram para a figura de Catão: aquela, associando-o à coleção moralizante dos Disticha Catonis, e o Renascimento, cujo exemplo mais proeminente é Petrarca, tomando Catão como principal exemplum dos costumes romanos (Classen, 2007; Grafton, 2000; Grafton / Most, 1997). Essa perspectiva renovada deverá orientar meu projeto de livro sobre Catão, contribuindo os estudos da fortuna da imagem de Catão na literatura.