Busca avançada
Ano de início
Entree

Emissão de CO2 do solo em função de Nitrogênio e Palha de café

Processo: 12/08756-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de agosto de 2012
Vigência (Término): 31 de julho de 2013
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Ciro Antonio Rosolem
Beneficiário:Taciane Melo Gonçalves
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agronômicas (FCA). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Botucatu. Botucatu , SP, Brasil
Assunto(s):Fertilidade do solo   Nitrogênio

Resumo

Estudos evidenciam que a presença de resíduos de culturas e fertilizantes nitrogenados inorgânicos promovem efeitos positivos no armazenamento de carbono no solo e melhoram a sincronia entre a liberação de nutrientes e sua absorção pelas plantas. No presente trabalho se propõe avaliar o balanço de C no solo, em função da aplicação combinada de nitrogênio e palha de café. O experimento será conduzido no município de São Manuel, SP, onde serão aplicadas 10 t ha-1 de palha de café (proveniente do processamento do café em coco), na superfície do solo. Procurando-se apressar a mineralização da palha serão aplicados o equivalente a 0, 80, 160, 240 e 320 kg ha-1 de N na forma de uréia, na presença e ausência da palha. O fluxo de CO2 será determinado a partir do 1º, 2º, 3º, 7º, 15º, 30º, 60º, 120º,150º, 180º e 210º dia após a aplicação da palha de café com as doses de N. Serão coletadas, antes da instalação e ao término do experimento (nos tratamentos mencionados), amostras de solo da área nas profundidades 0-0,05; 0,05-0,1 e 0,1-0,2 m para a determinação dos teores de C e MO. Os teores de C da palha serão determinados no início e ao término do experimento. Neste último caso, será feita uma amostragem das palhas nas parcelas para determinação do C remanescente. A temperatura e os teores de água serão determinados nos dias de avaliação do fluxo de CO2. O experimento será conduzido durante 210 dias e neste período serão coletados dados de pluviosidade através de pluviômetros instalados na área experimental.