Busca avançada
Ano de início
Entree

Relacionamentos colaborativos: o impacto do comportamento humano na criação e apropriação de valor

Processo: 11/23850-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de agosto de 2012
Vigência (Término): 31 de julho de 2015
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Administração - Administração de Empresas
Pesquisador responsável:Luiz Artur Ledur Brito
Beneficiário:Janaina Siegler Marques Batista
Instituição-sede: Escola de Administração de Empresas (EAESP). Fundação Getúlio Vargas (FGV). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Experimentação

Resumo

Diversos estudos no campo de administração em geral e da área de produção e operações vêm demonstrando que os relacionamentos colaborativos entre fornecedores clientes são capazes de gerar valor e vantagem competitiva. Apesar da ampla disponibilidade de referencial teórico e pesquisas empíricas sobre o tema relacionamento comprador-fornecedor, percebe-se uma escassez de estudos que analisem o impacto humano e os vieses comportamentais que envolvem as tomadas de decisões nestas relações. Adicionalmente, estudos contemporâneos explorando o julgamento e comportamento humano em produção e operações emergem como um campo próprio de pesquisa. Neste contexto, este projeto tem como pergunta de pesquisa: considerando a premissa da racionalidade limitada, como o comportamento humano individual influencia na geração e apropriação de valor e quais seus impactos na gestão da cadeia de suprimentos? Será utilizada uma abordagem multi-métodos e multi-teórica. Como base teórica serão utilizadas a Teoria de Custos de Transação (TCT) com a operacionalização de alguns constructos específicos como racionalidade limitada; a Visão Relacional da Estratégia (RV - Relational View) com a operacionalização do constructo confiança e a Teoria das Trocas Sociais (SET - Social Exchange Theory) com a operacionalização de poder e justiça nos relacionamentos colaborativos. Metodologicamente esse trabalho está dividido em três etapas, sendo a primeira de aprofundamento e verificação teórica para identificação dos possíveis comportamentos humanos que possam afetar a criação e apropriação de valor na cadeia de suprimentos; em seguida será realizada uma fase qualitativa com a verificação empírica da presença de dos mecanismos causais, realizada por meio de um estudo de quatro casos selecionados e finalmente será realizada uma pesquisa em ambiente fechado objetivando determinar o efeito em variáveis dependentes específicas por meio de experimentos comportamentais controlados. Como contribuições principais desse trabalho têm-se a cobertura de uma lacuna teórica que refere-se à falta de estudos que considerem o efeito do comportamento humano na criação e apropriação de valor nos relacionamentos colaborativos e, como cobertura de uma lacuna metodológica tem-se a utilização de metodologia combinada com a utilização de experimentos controlados para testar isoladamente as relações causais hipotetizadas.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa: