Busca avançada
Ano de início
Entree

Estudo das atividades de reparo de DNA por excisão de bases em cérebros de indivíduos acometidos pela Doença de Alzheimer

Processo: 12/11889-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2012
Vigência (Término): 30 de novembro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Bioquímica - Biologia Molecular
Pesquisador responsável:Nadja Cristhina de Souza Pinto
Beneficiário:Daniela Tathiana Soltys
Instituição-sede: Instituto de Química (IQ). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Bolsa(s) vinculada(s):15/03148-4 - Quantificação e identificação de mutações no DNA mitocondrial em cérebros de indivíduos acometidos pela Doença de Alzheimer, BE.EP.PD
Assunto(s):Doença de Alzheimer   Estresse oxidativo   DNA mitocondrial   Reparo do DNA

Resumo

O aumento das expectativas de vida média e máxima e o consequente envelhecimento da população mundial, no último século, elevou significativamente o número de casos da doença de Alzheimer (DA). Com isso, os custos associados se tornaram significativos para os sistemas de saúde pública. Apesar dos avanços recentes no entendimento da fisiopatologia da doença, pouco se sabe a respeito dos mecanismos moleculares que desencadeiam suas alterações funcionais e histológicas. Resultados recentes sugerem que o acúmulo de modificações oxidativas no DNA e alterações nas vias que removem essas lesões podem ter um papel importante na morte neuronal observada em DA. Lesões oxidativas são removidas principalmente pela via de excisão de bases. Resultados anteriores do nosso grupo demonstraram que a atividade de algumas enzimas da via BER está reduzida no lobo parietal e no cerebelo de pacientes com DA, e propomos que a diminuição na atividade de BER sensibiliza os neurônios à morte celular induzida pelas placas amiloides e pelos emaranhados neurofibrilares. No presente estudo propomos testar esta hipótese medindo atividades de BER em amostras de indivíduos que apresentam alterações neuropatológicas típicas de DA, mas que se mantiveram cognitivamente normais, refletindo fase precoce e ainda assintomática da doença e o desenvolvimento de uma maior reserva cognitiva. O principal objetivo deste estudo consiste em determinar se alterações em atividades de BER nestas regiões cerebrais estão associadas ao desenvolvimento da DA. Os resultados obtidos podem contribuir para a compreensão do papel das modificações oxidativas do DNA na sequência de eventos moleculares que levam à morte neuronal associada ao desenvolvimento de DA, bem como contribuir para a proposição de novas estratégias para o manejo clínico destes pacientes. (AU)

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
MORI, MATEUS P.; COSTA, RUTE A. P.; SOLTYS, DANIELA T.; FREIRE, THIAGO DE S.; ROSSATO, FRANCO A.; AMIGO, IGNACIO; KOWALTOWSKI, ALICIA J.; VERCESI, ANBAL E.; DE SOUZA-PINTO, NADJA C. Lack of XPC leads to a shift between respiratory complexes I and II but sensitizes cells to mitochondrial stress. SCIENTIFIC REPORTS, v. 7, MAR 13 2017. Citações Web of Science: 4.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.