Busca avançada
Ano de início
Entree

Desempenhos técnico e econômico de forrageiras tropicais instaladas em sistema de integração lavoura-pecuária no cerrado

Processo: 12/12213-6
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2012
Vigência (Término): 28 de fevereiro de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Zootecnia - Pastagens e Forragicultura
Pesquisador responsável:Marcelo Andreotti
Beneficiário:João Paulo Ferreira
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia (FEIS). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Ilha Solteira. Ilha Solteira , SP, Brasil
Assunto(s):Panicum maximum   Capim braquiarão   Estoque de carbono   Fertilidade do solo   Silagem

Resumo

As áreas agrícolas de grãos e pecuária estão se destacando, principalmente no bioma Cerrado pelo aumento tecnológico e, sobretudo pelo aspecto de aliar um sistema que integraliza conjuntamente lavoura e pecuária, denominado Integração Lavoura-Pecuária (ILP), havendo a possibilidade de duas atividades simultâneas, visando lucro e sustentabilidade do sistema agrícola com possibilidade de elevar a produtividade dos sistemas de produção, com efeitos benéficos sobre as propriedades físicas, químicas e biológicas do solo, tornando-se, portanto, uma realidade nas pesquisas atuais e na extensão rural, fundamentada na produção consorciada de culturas de grãos, especialmente do milho com forrageiras tropicais, principalmente as dos gêneros Panicum e Brachiaria, tanto no Sistema Plantio Direto (SPD) como no convencional. Assim, o trabalho de pesquisa será instalado em área de LATOSSOLO VERMELHO distrófico, pertencente à Faculdade de Engenharia/UNESP, Campus de Ilha Solteira, localizada em Selvíria-MS, sob condições irrigadas no Cerrado. Serão realizados dois experimentos na área. O primeiro será constituído pelo consórcio da cultura do milho, com espécies do gênero Panicum (Panicum maximum cv. Tanzânia) e Brachiaria (Brachiaria brizantha cv. Xaraés) no sistema de Integração Lavoura-Pecuária, em dois espaçamentos entre linhas (0,90 e 0,45 m) e em três momentos de colheita, com a finalidade de produção de silagem ou de grãos. O segundo experimento será composto pela adubação nitrogenada (50 kg ha de N por corte no outono/inverno) em cobertura ou sem esta prática, nas forrageiras após cada sistema de consórcio com o milho, e o seu efeito sobre a soja em sucessão. O trabalho objetivará avaliar: 1) o desempenho produtivo e a qualidade bromatológica das silagens produzidas nos diferentes sistemas de produção avaliados; 2) avalição dos componentes da produção e produtividade do milho em consórcio, nos diferentes espaçamentos e da forragem remanescente; 3) avaliar a cada corte do outono à primavera, a produtividade de forragem e a sua composição bromatológica após a colheita da silagem; 4) no último corte, verificar além da produtividade de forragem, os teores de macronutrientes e a decomposição da palhada das forrageiras após a dessecação na primavera e seu efeito na soja em sucessão; 5) avaliar durante a condução dos sistemas de produção, as alterações nos atributos químicos e densidade do solo na camada de 0 a 0,10 e 0,10 a 0,20 m, ao final de cada ciclo produtivo, além da determinação do estoque de carbono; 6) avaliar o desempenho econômico da ILP sob SPD durante o período de estudo, visando constatar a sustentabilidade e lucratividade de cada sistema.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
FERREIRA, João Paulo. Desempenho técnico e econômico de forrageiras tropicais em sistema integrado de produção no cerrado de baixa altitude. 2015. 126 f. Tese de Doutorado - Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" Faculdade de Engenharia (Campus de Ilha Solteira)..

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.