Busca avançada
Ano de início
Entree

Associação de ancestralidade com fatores de risco de doença cardiovascular em uma amostra populacional brasileira: ELSA-Brasil

Processo: 12/11879-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de dezembro de 2012
Vigência (Término): 30 de novembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Genética - Genética Humana e Médica
Pesquisador responsável:Alexandre da Costa Pereira
Beneficiário:Hadassa Campos Santos
Instituição-sede: Faculdade de Medicina (FM). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Cardiologia   Doenças cardiovasculares

Resumo

O presente projeto de pesquisa tem como objetivo principal associar ancestralidade genética e etnia auto-referida em indivíduos de uma população brasileira com fatores de risco de doenças cardiovasculares. O estudo de uma população com alta miscigenação genética, como a brasileira, fornece potenciais maneiras de compreender a influência genética na determinação de fenótipos de doenças complexas, como as cardiovasculares, em raízes ancestrais comuns. Estes estudos são de grande importância, uma vez que os resultados de tais pesquisas poderão ser incorporados aos cuidados clínicos, podendo dar um direcionamento mais estreito para o diagnóstico, tratamento e qualidade de vida dos pacientes. Para a realização deste estudo será utilizada uma amostra composta por cinco mil indivíduos adultos com idade entre 35-74 anos da cidade de São Paulo, vinculados ao Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto (ELSA). As amostras serão primeiramente genotipadas e em seguida submetidas a procedimentos estatísticos visando assegurar a confiabilidade dos resultados. Na sequência, serão conduzidas análises de associação entre ancestralidade genética e etnia aouto-referida com fatores de risco cardiovascular, como hipertensão arterial, velocidade de onda de pulso e obesidade. Para isso serão utilizados modelos estatísticos de associação, pois estes têm sido bem-sucedidos na identificação de associação da ancestralidade genética individual com características de doenças complexas. O desenvolvimento do projeto de pesquisa será no Laboratório de Genética e Cardiologia Molecular, do Instituto do Coração (InCor), da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e está vinculado ao Estudo Longitudinal de Saúde do Adulto.

Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SANTOS, Hadassa Campos. Associação de etnia auto referida e ancestralidade genética com fatores de risco de doença cardiovascular em uma amostra populacional brasileira: ELSA - Brasil. 2015. Dissertação de Mestrado - Universidade de São Paulo (USP). Faculdade de Medicina São Paulo.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.
Mapa da distribuição dos acessos desta página
Para ver o sumário de acessos desta página, clique aqui.