Busca avançada
Ano de início
Entree

Perfil de expressão de genes da via Wnt/²-catenina em timócitos e linfócitos T CD4+ de camundongos BALB/c

Processo: 12/13584-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Mestrado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2012
Vigência (Término): 31 de agosto de 2014
Área do conhecimento:Ciências Biológicas - Imunologia - Imunologia Aplicada
Pesquisador responsável:Edecio Cunha Neto
Beneficiário:Taccyanna Mikulski Ali
Instituição-sede: Instituto do Coração Professor Euryclides de Jesus Zerbini (INCOR). Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (HCFMUSP). Secretaria da Saúde (São Paulo - Estado). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Timócitos   Reação em cadeia da polimerase via transcriptase reversa (RT-PCR)   beta Catenina   Biologia molecular

Resumo

O HIG2 (gene induzido por hipóxia 2) é um gene que codifica a proteína também chamada HIG2 que pode atuar como agonista da via Wnt/beta-catenina (canônica), pois se liga aos receptores Frizzled.Dados recentes do nosso grupo mostraram expressão diferencial do gene HIG2 em células mononucleares do sangue periférico (CMSP) e em especial linfócitos T CD4+ naïve mas não em células diferenciadas de memória em indivíduos sadios. Também foi observado pelo nosso grupo que o tratamento in vitro de linfócitos T CD4+ obtidos de indivíduos saudáveis com o peptídeo sintético HIG2 induziu a ativação da via Wnt/beta-catenina, produção de HIG2 e outros produtos da via, além da proliferação de células T CD4+ naïve. Em conjunto, esses dados sugerem que a expressão do gene HIG2 - e possivelmente ativação da via Wnt/beta-catenina - podem estar envolvidos na sobrevivência e proliferação homeostática de linfócitos T CD4+ naïve. Como as células T CD4+ naïve são diretamente exportadas pelo timo, pode-se hipotetizar que níveis aumentados de HIG2 neste tipo celular sejam decorrentes da ativação da via Wnt/beta-catenina nos estágios tardios da diferenciação de timócitos. Embora o envolvimento da via Wnt/beta-catenina na proliferação e sobrevivência ao longo das etapas de diferenciação de timócitos seja conhecido, a maior parte dos trabalhos utilizou camundongos transgênicos ou geneticamente deficientes em proteínas-chave da via; poucos são os estudos avaliando a ativação da via e expressão de seus produtos alvos; seu papel é ainda menos conhecido em linfócitos T periféricos. Além disso, nada se sabe a respeito da expressão de HIG2. Assim, o objetivo deste trabalho é investigar a expressão de HIG2 bem como de outros componentes da via Wnt canônica nas diferentes subpopulações de timócitos murinos, i.e. duplo negativas (DN1-4), duplo positiva (DP) e simples positiva (SPCD4 e SPCD8) e células T CD4+ naïve e de memória. A expressão de HIG2 será comparada entre timócitos e células T CD4+ naïve.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)