Busca avançada
Ano de início
Entree

Caracterização e avaliação da atividade biológica e antioxidante da polpa liofilizada enriquecida com compostos bioativos da semente de tamarindo (Tamarindus indica)

Processo: 12/06806-4
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Doutorado
Vigência (Início): 01 de setembro de 2012
Vigência (Término): 31 de maio de 2015
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Ciência e Tecnologia de Alimentos - Ciência de Alimentos
Pesquisador responsável:Helena Teixeira Godoy
Beneficiário:Danilo Santos Souza
Instituição-sede: Faculdade de Engenharia de Alimentos (FEA). Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Campinas , SP, Brasil
Assunto(s):Análise de alimentos   Tanino   Antioxidantes   Tocoferóis   Liofilização

Resumo

Atualmente, o Brasil é um dos países de maior potencial para produção de frutas tropicais do mundo. No entanto, técnicas deficientes de pós-colheita aumenta o volume de perdas que, consequentemente, reduz o uso e consumo de compostos essenciais presentes nos frutos. Além disso, a falta de opção das indústrias processadoras de frutas no reaproveitamento de resíduos reforçam as perdas destes bioativos e nutrientes. O tamarindo é um fruto tropical bem adaptado ao clima brasileiro. Em sua forma natural é rico em minerais, açúcares, vitaminas e compostos responsáveis pelas propriedades funcionais como os fenólicos e tocoferóis. Porém, a semente que possui boa parcela destes compostos é pouco reaproveitada para fins alimentícios. Desta forma, o objetivo do projeto é elaborar um produto conjugado composto de polpa e semente de tamarindo que aproveite as propriedades funcionais e ao mesmo tempo mantenha características sensoriais aceitáveis. Os compostos bioativos presentes no tamarindo (polpa e semente), serão caracterizados e qualificados, além de avaliação da sua atividade antioxidante, biológica e qualidade sensorial do produto liofilizado. A técnica de cromatografia líquida de alta resolução acoplada a um espectrofotômetro de massas (LC/MS) será utilizada para determinar e quantificar os compostos fenólicos como: ácidos fenólicos, tocoferóis e taninos. Já os ácidos graxos serão caracterizados e quantificados por cromatografia gasosa. A avaliação da atividade antioxidante será utilizando os ensaios de FRAP, DPPH, ABTS e ORAC. O teste de atividade hemolítica será usado para determinar a inocuidade das amostras ao organismo humano. Para determinar a melhor formulação do mix de polpa e extrato de semente liofilizado, serão utilizados os testes sensoriais de aceitação e diferença do controle aliado a maior atividade antioxidante. Espera-se obter um produto saudável que sirva de base para elaboração de outros produtos alimentícios de tamarindo com elevado potencial antioxidante e ao mesmo tempo apresentando qualidade sensorial aceitável.

Publicações científicas
(Referências obtidas automaticamente do Web of Science e do SciELO, por meio da informação sobre o financiamento pela FAPESP e o número do processo correspondente, incluída na publicação pelos autores)
SOUZA, DANILO SANTOS; PIMENTEL SOUZA, JANE DELANE REIS; COUTINHO, JANCLEI PEREIRA; FERREIRA DA SILVEIRA, TAYSE FERREIRA; BALLUS, CRISTIANO AUGUSTO; TEIXEIRA FILHO, JOSE; ANDRE BOLINI, HELENA MARIA; GODOY, HELENA TEIXEIRA. Application of Tamarind Waste Extracts to Improve the Antioxidant Properties of Tamarind Nectars. PLANT FOODS FOR HUMAN NUTRITION, v. 75, n. 1, p. 70-75, MAR 2020. Citações Web of Science: 0.
Publicações acadêmicas
(Referências obtidas automaticamente das Instituições de Ensino e Pesquisa do Estado de São Paulo)
SOUZA, Danilo Santos. Caracterização e avaliação da capacidade antioxidante da polpa liofilizada enriquecida com extrato aquoso da semente de tamarindo (Tamarindus indica). 2015. Tese de Doutorado - Universidade Estadual de Campinas. Faculdade de Engenharia de Alimentos.

Por favor, reporte erros na lista de publicações científicas escrevendo para: cdi@fapesp.br.