Busca avançada
Ano de início
Entree

Poderes e perigos da voz: uma análise dos discursos da mídia sobre o câncer de laringe de Lula e suas sequelas

Processo: 12/08546-0
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Iniciação Científica
Vigência (Início): 01 de setembro de 2012
Vigência (Término): 31 de agosto de 2013
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Linguística - Teoria e Análise Lingüística
Pesquisador responsável:Carlos Félix Piovezani Filho
Beneficiário:Giovana Moretti
Instituição-sede: Centro de Educação e Ciências Humanas (CECH). Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR). São Carlos , SP, Brasil
Assunto(s):Análise do discurso   Voz   Neoplasias laríngeas

Resumo

O presente projeto visa a analisar os discursos produzidos pela mídia brasileira sobre o câncer de laringe sofrido pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e as ameaças à sua voz que a enfermidade representava. Caracterizando-se como um acontecimento discursivo, o anúncio da doença de Lula produziu um amplo e disperso conjunto de textos acerca dos riscos que corria sua voz: conversas do cotidiano, posts e twits em redes sociais, debates entre médicos, comentários de políticos, notícias, crônicas e reportagens da mídia etc. Tal conjunto comporta um variado leque de dizeres que vão de eventuais imprecações bastante hostis, passando por declarações mais ou menos referenciais, até os predominantes votos de pronto restabelecimento. Considerando o fato de que a mídia ao mesmo tempo produz enunciados de que a sociedade se apropria e repercute os dizeres que já circulavam nesta última, propomo-nos a identificar algumas unidades e regularidades discursivas na dispersão dos textos midiáticos gerada a partir do episódio mencionado. Para tanto, fundamentados na Análise do discurso, derivada de Michel Pêcheux e seu grupo, pretendemos analisar enunciados extraídos de um corpus constituído por textos de vários gêneros que circularam nos jornais Folha de São Paulo e Estado de São Paulo e na revista semanal Veja, entre os dias 29 de outubro de 2011, data da divulgação do diagnóstico do câncer de Lula, e 29 de março de 2012, quando se deu a repercussão da difusão de um vídeo em que o ex-presidente anunciava no dia anterior a cura de sua doença. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)