Busca avançada
Ano de início
Entree

Sobre a leitura dos manuscritos de Proust: transcrição e análise dos cadernos 15 e 16.

Processo: 12/12496-8
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2012
Vigência (Término): 30 de novembro de 2015
Área do conhecimento:Linguística, Letras e Artes - Letras - Literaturas Estrangeiras Modernas
Pesquisador responsável:Philippe Leon Marie Ghislain Willemart
Beneficiário:Samira Murad
Instituição-sede: Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Vinculado ao auxílio:11/08942-0 - Brépols franco-brasileiro e outros manuscritos, AP.TEM
Assunto(s):Literatura francesa   Manuscritos   Crítica genética   Leitura

Resumo

Vinculado ao projeto temático em andamento "Brépols franco-brasileiro e outros manuscritos", financiado pela Fapesp, este projeto tem como primeiro objetivo a transcrição diplomática dos cadernos 15 e 16 de Marcel Proust e a redação de notas críticas para sua publicação no âmbito do projeto de publicação "Marcel PROUST, Cahiers 1 a 75 de Ia Bibliothèque nationale de France", coordenado pela equipe Proust do ITEM - CNRS em parceria com a editora belga Brépols. Paralelamente à publicação, o segundo objetivo é a interpretação deste material, a partir de um recorte particular, a saber, a construção, nos manuscritos, do que denominei "papel do leitor", dimensão virtual do texto literário composta das operações interpretativas potenciais por ele desenhadas. Esse recorte é um desdobramento direto de minha tese de doutorado. Intitulada "Sobre a leitura de A la recherche du temps perdu", o objetivo principal da tese era refletir sobre a experiência de leitura da Recherche por meio da análise da recepção concreta da obra e da análise textual do "papel do leitor" a partir das considerações sobre a leitura literária realizadas por Umberto Eco e Wolfgang Iser, de forma a compreender melhor o que Proust entende por leitura da literatura e seu papel na estética do escritor. A partir dessas reflexões, coloca-se a pergunta: como se dá a construção desse papel nos manuscritos? É dessa pergunta que este projeto pretende se aproximar, contribuindo com isso, para a crítica proustiana e a crítica genética.

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)