Busca avançada
Ano de início
Entree

Frações do nitrogênio orgânico e relações com o n potencialmente mineralizável dos solos

Processo: 12/09732-1
Linha de fomento:Bolsas no Exterior - Estágio de Pesquisa - Doutorado
Vigência (Início): 02 de agosto de 2012
Vigência (Término): 01 de maio de 2013
Área do conhecimento:Ciências Agrárias - Agronomia - Ciência do Solo
Pesquisador responsável:Mara Cristina Pessôa da Cruz
Beneficiário:Fernando Kuhnen
Supervisor no Exterior: Richard L. Mulvaney
Instituição-sede: Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias (FCAV). Universidade Estadual Paulista (UNESP). Campus de Jaboticabal. Jaboticabal , SP, Brasil
Local de pesquisa: University of Illinois at Urbana-Champaign, Estados Unidos  
Vinculado à bolsa:10/10420-9 - Determinação da taxa de mineralização de nitrogênio de solos e de resíduo orgânico em laboratório e em campo, BP.DR
Assunto(s):Nitrogênio

Resumo

A partir do conhecimento das formas do nitrogênio dos solos e das suas transformações é possível avaliar a contribuição das formas orgânicas para o N disponível para as plantas. Pretende-se, com o presente projeto, avaliar as formas do N orgânico em solos e correlacioná-las com o N potencialmente mineralizável (N0) e com as quantidades de N acumuladas em plantas de milho. As frações de N serão determinadas em dezessete solos (Latossolos e Argissolos) mediante a quantificação do N liberado dos compostos orgânicos durante hidrólise ácida e separados em cinco frações: N-total hidrolisável, NH4+ hidrolisável, N-aminoácidos, N-aminoaçúcares e N-não identificado. As frações obtidas nos 17 solos serão correlacionadas com o nitrogênio potencialmente mineralizável (N0) obtido em experimentos de incubação em laboratório, de longa duração, em temperaturas variáveis (23/28oC 10/14h, 18/23oC 10/14h e 28oC) e com o N absorvido por plantas de milho em experimento em casa de vegetação, utilizando os mesmos 17 solos. Com estes resultados espera-se determinar qual o reservatório de N do solo que mais contribui para o fornecimento de N para as plantas e, propor métodos de extração mais simples e rápidos. (AU)