Busca avançada
Ano de início
Entree

Análise market comparativa dos mercados de carbono: EU ETs e MDL, à luz da economia institucional

Processo: 12/50003-3
Linha de fomento:Bolsas no Brasil - Pós-Doutorado
Vigência (Início): 01 de outubro de 2012
Vigência (Término): 30 de setembro de 2014
Área do conhecimento:Ciências Sociais Aplicadas - Administração - Administração de Setores Específicos
Pesquisador responsável:Maria Sylvia Macchione Saes
Beneficiário:Sara Gurfinkel Marques de Godoy
Instituição-sede: Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade (FEA). Universidade de São Paulo (USP). São Paulo , SP, Brasil
Assunto(s):Economia institucional   Mercado de carbono   Protocolo de Kyoto   Custo de transação

Resumo

O mercado de créditos de carbono abrange a comercialização de certificados resultantes da adoção de Kyoto além de outros programas de redução como os de licenças para poluir. O desenvolvimento deste instrumento de mercado se dá como uma tentativa de reduzir a concentração de gases de efeito estufa na atmosfera. Devido à importância desta ferramenta para solucionar o problema do aquecimento global, o foco desta pesquisa é estabelecer um comparativo entre o mercado de carbono decorrente dos programas de EU ETS e do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo (MDL). Na busca de uma análise que proporcione conclusões a respeito das vantagens e desvantagens de cada programa, o estudo se concentrará na eficiência de cada mecanismo de redução apresentando as diferenças das regras e organizações existentes. Este trabalho é justificável, pois intenciona-se identificar as razões que levam o European Emission Trade Scheme (EU ETS) a ter um volume de reduções e número de interessados muito superior ao do mercado de carbono resultante do processo do Mecanismo de Desenvolvimento Limpo. Como forma de delimitação de abordagem da pesquisa, o MDL é escolhido dentro outros instrumentos, pois está dentro das determinações do Protocolo Kyoto, que apesar de suas limitações, é um dos programas universais mais relevantes atualmente, além de abranger os projetos em países em desenvolvimento, mesmo que estes não possuam metas de redução. Já o EU ETS é o mercado de carbono mais relevante atualmente em termos de volume de redução de emissões. Para alcançar os objetivos, o trabalho contará com o suporte teórico da Economia Institucional, pois suas teorias ressaltam a importância dos arranjos institucionais - conjunto das organizações, instituições, regras do jogo, relações de poder - no intuito de entender os problemas econômicos. Desta forma, as ferramentas disponibilizadas por esta Escola serão utilizadas para entender os programas de EU ETS e o MDL. (AU)

Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre a bolsa:
Matéria(s) publicada(s) em Outras Mídias (0 total):
Mais itensMenos itens
VEICULO: TITULO (DATA)
VEICULO: TITULO (DATA)